dívida

Câmara de Vereadores deverá apurar rombo de R$ 500 mil nas contas do Instituto em Nazarezinho

Tarcísio estranha o rombo de R$ 500 mil, após parcelamento de dívida em 2013 por parte do Prefeito Salvam Mendes,

Após o Tribunal de Contas do Estado, apontar um rombo de R$ 500 mil nas constas do Instituto de Previdência dos Servidores do Município em Nazarezinho, o Poder Legislativo estuda criar uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar a demanda.

As informações são do Presidente da Câmara de Vereadores, Tarcísio do Vale que deverá levar na sessão desta sexta-feira (06) a sugestão para a criação da CPI.

Tarcísio estranha o rombo de R$ 500 mil, após parcelamento de dívida em 2013 por parte do Prefeito Salvam Mendes, que de repente, aparece a reprovação pelo TCE agora no ano de 2019 das contas do Instituto dos servidores, apontando ainda dívida que certamente deixou os servidores aterrorizados, e temorosos de não poderem receber mais seus vencimentos nos próximos meses.

A população de Nazarezinho vai acompanhar com expectativa a sessão da Câmara de Vereadores nesta sexta-feira (06) para saber se a CPI será implantada para apurar o caso.

Repórter PB

Destaques