Sousa/PB -
Banco Interamericano de Desenvolvimento

Missão do BID visita hospitais que receberão investimentos do Projeto Amar

As duas unidades de saúde receberão investimentos do Projeto de Aprimoramento do Modelo de Atenção na Rede de Saúde (Amar)

Por Redação do Reporterpb

12/05/2022 às 18:07

Ads 970x250
Imagem Missão do BID visita hospitais que receberão investimentos do Projeto Amar

Missão do BID visita hospitais que receberão investimentos do Projeto Amar ‧ Foto: Secom

Tamanho da fonte

A Missão do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), que esteve por uma semana na Secretaria de Estado da Saúde (SES), visitou os hospitais Metropolitano e Arlinda Marques, nessa quarta-feira (11). As duas unidades de saúde receberão investimentos do Projeto de Aprimoramento do Modelo de Atenção na Rede de Saúde (Amar), que envolvem informatização, renovação do parque tecnológico, reforma e ampliação da estrutura física. 

Para o Hospital Metropolitano, a previsão de investimento é em torno de 1 milhão e 100 mil dólares em equipamentos. A unidade será a primeira a ter o parque tecnológico renovado. Serão sete aparelhos adquiridos e entre eles o tomógrafo de 128 canais. Já no Arlinda Marques, além do implemento do maquinário, o serviço pediátrico também contará com reforma e ampliação de leitos com previsão de investimento de 3 milhões e 200 mil dólares. 

O secretário executivo da Saúde da Paraíba, Jhony Bezerra, destacou a importância dos investimentos do Projeto Amar na saúde pública paraibana e reforçou o compromisso da SES em dar celeridade às ações do investimento. “A nossa meta é a organização da rede. O propósito do projeto é o fortalecimento e isto já está incorporado no nosso plano de governo. Certamente, o investimento do Projeto Amar vai trazer muitos benefícios para a saúde pública da Paraíba”, pontuou. 

Durante esta semana, os representantes do BID dialogaram com a SES sobre a gestão do projeto e as ações que já estão sendo executadas. O chefe de equipe do banco para esta iniciativa, Francisco Ochoa, elogiou a condução das atividades do Projeto Amar e a celeridade na tomada de decisão quando há algum obstáculo. 

A coordenadora geral do Projeto Amar, Rosa Márcia França, explica que esta é uma missão de supervisão do banco e tem o intuito de fazer uma análise detalhada por componente de toda a iniciativa. “Estamos com importantes ações em andamento. A partir do segundo semestre, vamos iniciar as primeiras entregas, tanto com relação a equipamentos dos hospitais como o início de duas obras. A gente tem como proposta também do projeto fazer um novo desembolso e alavancar as ações do projeto a partir de agora do final de maio”, completou. 

O Projeto de Aprimoramento do Modelo de Atenção na Rede de Saúde (Amar) é um investimento que visa o fortalecimento da ação do SUS na Paraíba e a consolidação das Redes Integradas na Atenção à Saúde. O contrato foi assinado em 2020, no valor de US$ 45 milhões para execução. O Governo do Estado também investirá recursos próprios, com a destinação de US$ 11 milhões de contrapartida. 

Fonte: Secom

Ads 728x90

QR Code

Para ler no celular, basta apontar a câmera

Comentários

Aviso Legal: Qualquer texto publicado na internet através do Repórter PB, não reflete a opinião deste site ou de seus autores e é de responsabilidade dos leitores que publicam.