Balanço

Complexo de Patos atendeu 148 pacientes na Urgência e Emergência neste final de semana

Dos 148 pacientes atendidos, 31 foram pessoas que se envolveram em acidentes de trânsito, dos quais 28 oriundos de acidentes com motos, a maioria da cidade de Patos, que registrou 13 vítimas

A Emergência e Urgência do Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro (CHRDJC), de Patos, esteve bem movimentada neste último final de semana e registrou o atendimento de 148 pessoas. Entre as 18h da última sexta-feira (30) até a meia noite deste domingo (02), a unidade realizou ainda oito cirurgias de emergência, sendo três de ortopedia, outras três vasculares e ainda duas cirurgias gerais. Dos 148 pacientes atendidos, 31 foram pessoas que se envolveram em acidentes de trânsito, dos quais 28 oriundos de acidentes com motos, a maioria da cidade de Patos, que registrou 13 vítimas.


O plantão de maior movimento foi o do sábado (01), quando 68 pessoas deram entrada na unidade, seguido do plantão de domingo com 63 atendimentos. Das 18h até a meia noite da sexta-feira, outras 17 pessoas passaram pela Urgência e Emergência do Complexo. Na Emergência, além dos casos envolvendo os acidentados com motos, bicicleta e veículo de tração animal, os demais motivos dos atendimentos da unidade neste final de semana foram de pacientes com queda da própria altura, dor abdominal, sintomas de síndrome gripal, dor no peito, acidentes com animal peçonhento ou raivosos, hipertensão, desmaio, desorientação, sangramento, dor no ouvido, dor no tórax, diarreia e agressão física, entre outros motivos.

O boletim de atendimento de pacientes vítimas de acidentes de trânsito mostra que, além de acidentados da cidade de Patos, a unidade ainda recebeu pacientes de Assunção, Igaracy, Brejo do Cruz, Catingueira, Curral Velho, Juru, Matureia, Nova Olinda, Santa Luzia, Santa Teresinha, São José do Bonfim, São Mamede e Teixeira. Dos 31 acidentados, 23 eram homens e oito mulheres e apenas quatro deles precisaram permanecer internados para cuidados posteriores.

Repórter PB

Destaques