certame

Edital do Concurso Público de Sousa deverá ser contestado por Promotora

A Promotora Dra. Mariana de Sousa Neves da Comarca de Sousa deverá ingressar com Ação de Nulidade do Edital do Concurso Público

A Promotora Dra. Mariana de Sousa Neves da Comarca de Sousa deverá ingressar com Ação de Nulidade do Edital do Concurso Público anunciado pela Prefeitura de Sousa com data de avisado do edital programado para esse sábado (13).


De acordo com as primeiras informações, a Ação de Nulidade que deverá ser proposta pela Representante do Ministério Público se baseará nas Ações interpostas pelos candidatos que passaram no último concurso realizado em 2014 pelo ex-prefeito, André Gadelha.


Muitos destes candidatos solicitam ocupação das vagas na justiça, e até o presente ainda tramitam seus pedidos sem um julgamento final.
Na entrevista do Prefeito Fábio Tyrone (PSB), nesta sexta-feira (12), ele anunciou o cronograma para a realização do Concurso Público para 249 vagas em vários âmbitos na administração municipal.


No dia 31 de maio, sessão presencial modalidade concorrência para a escolha da Empresa realizadora.


No dia 10 de junho, abertura das inscrições


No dia 28 de junho, realizações das provocas.


A reportagem não conseguiu ouvir ainda a opinião da Prefeitura de Sousa a respeito desta informação.

Repórter PB

Destaques