Luto na Política

Prefeito sertanejo morre em decorrência do agravamento da covid-19, mesmo após ser vacinado

O médico era casado, pai e avô e sua morte causou comoção tanto no município como também na região

O prefeito do município de Brejo dos Santos no Sertão paraibano, morreu ontem (12), em um dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), de um hospital de João Pessoa, vítima da covid-19.


O médico Dr. Lauri Ferreira (PSDB), tinha 74 anos de idade e estava no seu sexto mandato de prefeito e também foi deputado estadual entre 1991 e 1994. Sendo considerado o maior líder político de Brejo dos Santos. 

Por ser médico e atuar na área da saúde Dr. Lauri já tinha se vacinado contra o coronavírus, porém não foi suficiente e o mesmo acabou falecendo, após passar quase duas semanas internados na unidade hospitalar. 

O médico era casado, pai e avô e sua morte causou comoção tanto no município como também na região. 

Amigos, familiares e correligionários estornaram sentimento de dor pela perca do parlamentar. A exemplo da deputada Pollyanna Dutra que emitiu uma nota de pesar, logo após ficar sabendo da triste notícia. 

LEIA MAIS - Pollyanna Dutra lamenta o falecimento do prefeito de Brejo dos Santos, Dr. Lauri Ferreira 

A morte do gestor da cidade sertaneja mesmo após ser imunizado contra o terrível vírus, faz uma reflexão sobre a eficácia da vacina, até onde estão protegidos os que já receberam as doses?. Não foi informado qual o imunizante aplicado no médico. 


Repórter PB

Destaques