Chacina

Homens armados invadem casa e matam sete pessoas na madrugada desta quinta-feira (26)

O número de mortos foi confirmado pela equipe da Perícia Forense do Ceará que está no local. Uma mulher e uma criança estão entre as vítimas.

Homens armados invadiram uma casa e mataram pelo menos sete pessoas, sendo uma delas uma criança, em Ibaretama, no Ceará, na madrugada desta quinta-feira (26). As informações são da delegacia municipal de Quixadá. Essa é a 2ª chacina registrada no estado em pouco mais de um mês.

Segundo a delegacia, os homens estavam encapuzados e entraram pelos fundos da casa, que fica no distrito de Pedra e Cal. O número de mortos foi confirmado pela equipe da Perícia Forense do Ceará que está no local. Uma mulher e uma criança estão entre as vítimas.

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), equipes dos departamentos de Homicídios e Proteção à Pessoa e de Polícia Judiciária do Interior Sul (DPI-Sul), da Polícia Civil, e também da Coordenadoria de Inteligência da pasta foram deslocadas até o município para, junto com a equipe da Delegacia Regional de Quixadá, realizar todos os levantamentos sobre as mortes registradas na cidade.

Segunda chacina em um mês

No dia 18 de outubro, cinco homens foram assassinados a tiros em uma residência na Rua Manuel Vieira de Carvalho, no município de Quiterianópolis, a 410 quilômetros de Fortaleza. Um sexto homem ficou ferido e foi socorrido para um hospital na região.

As vítimas estavam consumindo bebidas alcoólicas quando quatro homens armados entraram no local, pediram para as vítimas ficarem deitadas e efetuaram vários disparos, conforme as testemunhas.

As vítimas foram identificadas como: Irineu Simão do Nascimento, 25 anos, José Reinaque Rodrigues de Andrade, 31 anos, Etivaldo Silva Gomes, 23 anos, Antônio Leonardo Oliveira Silva, 19 anos, e Gionnar Coelho Loiola, 31 anos.

A SSPDS informou na época que Irineu Simão tinha passagens pela polícia por roubo e associação criminosa e José Reinaque tinha antecedentes por roubo e usava tornozeleira eletrônica.

Com G1

Repórter PB

Destaques