ICEI

CNI realiza debate sobre reforma tributária e divulga duas pesquisas econômicas nesta semana

A Live “Os Impactos Econômicos da Reforma Tributária” será na quinta-feira (22) às 13h

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) divulga, nesta quarta-feira (21) às 10h, o Índice de Confiança do Empresário Industrial por setor de julho. O ICEI setorial sinaliza as mudanças de tendência da produção, nas indústrias extrativa, da construção e da transformação, assim como seus setores.


A publicação apresenta resultado por porte de empresa (pequeno, médio e grande) e para as cinco regiões geográficas do país. Foram entrevistadas 1.316 empresas, sendo 498 pequeno porte, 500 médio porte e 318 de grande porte, entre 1º e 7 de julho.

Os dados serão publicados na Agência CNI de Notícias, na página de Estatísticas e encaminhados por e-mail aos jornalistas cadastrados. Também serão divulgados no Twitter da CNI.

Quinta-feira (22): Robson Braga de Andrade fala sobre os impactos da reforma tributária

O presidente da CNI, Robson Braga de Andrade, participa da live: Os impactos Econômicos da Reforma Tributária, promovido pela Nação Consultoria Estratégia e Esfera, correalizado pela CNI e Febraban, às 13h.

Estão confirmados: ministro da Economia, Paulo Guedes, deputado e relator da reforma tributária, Celso Sabino (PSDB-PA), CEO Esfera, João Carlos Camargo e o presidente da Febraban, Isaac Sidney. O evento será mediado pelo diretor de Comunicação da Febraban, João Borges.

A Live é gratuita, aberta ao público e pode ser acompanhada pelo canal da CNI no Youtube. 

Sexta-feira (23): Pesquisa Sondagem Industrial

A Sondagem Industrial de junho será divulgada às 10h. A pesquisa de opinião empresarial mensal antecipa tendência da atividade industrial e as expectativas dos empresários.

Elaborada desde 1998, atualmente em parceria com 25 Federações de Indústria, a Sondagem Industrial gera resultados por porte de empresa, regiões geográficas e setores de atividades das indústrias extrativa e de transformação. 

Os dados serão publicados na Agência CNI de Notícias, na página de Estatísticas e encaminhados por e-mail aos jornalistas cadastrados. Também serão divulgados no Twitter da CNI.

Repórter PB

Destaques