Na Paraíba

TDAH afeta cerca de 5,9% de crianças e adolescentes e 2,5% de adultos; Semana de Informação e Conscientização inicia nesta segunda

Para o autor da propositura, conscientizar a população acerca do transtorno é contribuir para melhores condições aos que convivem com a doença

De acordo com o maior consenso internacional sobre Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH), a doença afeta cerca de 5,9% de crianças e adolescentes e 2,5% de adultos. O estudo publicado no periódico Neuroscience and Biobehavioral Reviews no primeiro semestre deste ano reuniu 79 pesquisadores de 27 países, que alertaram que é preciso dar importância aos sintomas e efeitos do transtorno para que se tenha a chance de tratamentos preventivos.


Na Paraíba, a Lei nº 11.014/2017 de autoria do deputado estadual Jutay Meneses (Republicanos) institui a Semana de Informação e Conscientização sobre TDAH, que se realiza na primeira semana de agosto e integra o Calendário Oficial do Estado. Para o autor da propositura, conscientizar a população acerca do transtorno é contribuir para melhores condições aos que convivem com a doença.

“Conscientizar a população para o que é o TDAH é contribuir para que as pessoas não confundam os sintomas com casos de indisciplina, que comumente gera insatisfação em pais, professores e todos que convivem com as pessoas afetadas pelo transtorno. Além disso, a informação pode reduzir significativamente conflitos de ordem familiar, escolar, problemas comportamentais e psicológicos favorecendo, consequentemente, uma melhor qualidade de vida tanto para quem tem o transtorno quanto para quem convive com a pessoa”, destacou Jutay.

Segundo a propositura, o Semana deve contar com elaboração de cartilhas que promovam a conscientização de educadores, familiares, privilegiando informações sobre o conceito do TDAH, sintomas, diagnósticos e tratamento.

Repórter PB

Destaques