politica

Deputada Cajazeirense declara não haver problemas aproximar de João Azevedo

Sobre a possibilidade de se alinhar com o Governo, a deputada Drª Paula disse que não vê obstáculo quanto a sua aproximação e, também, do prefeito de Cajazeiras

A deputada Doutora Paula Francinete (Progressistas) disse, nesta terça-feira (17), na Assembleia Legislativa da Paraíba, que o governador João Azevêdo é um ‘estadista’ e, por essa razão, está mais preocupado em administrar o Estado e resolver os problemas do povo paraibano, independente de cores partidárias, em vez de se preocupar com questões políticas menores. A deputada disse, também, que não vê problemas em se alinhar ao projeto do governo João Azevêdo.

Ao falar da atual cena política, em que há um distanciamento entre o governador João Azevedo e o ex-governador Ricardo Coutinho, a parlamentar reafirmou que Azevêdo tem um comportamento de estadista e é um gestor de muita responsabilidade. “Então, quanto à questão política, ele não está preocupado agora, até porque tem muito tempo pela frente para se preocupar com isso. Acredito que ele será reeleito”, acrescentou.

Sobre a possibilidade de se alinhar com o Governo, a deputada Drª Paula disse que não vê obstáculo quanto a sua aproximação e, também, do prefeito de Cajazeiras, José Aldemir, ao projeto administrativo de Azevedo. “Eu acho que não existe problema de uma ida da deputada Doutora Paula e do prefeito José Aldemir, assim como de outras lideranças, de apoiar o governador João Azevêdo. Teremos o maior prazer de trabalhar em conjunto com este governo”, declarou.

Doutora Paula disse, ainda, que acredita em uma grande união da classe política em torno do governador, fato que não agrada ao grupo político mais próximo do ex-governador Ricardo Coutinho, o qual, segundo a deputada, se mostra incomodada com o “espírito agregador” de João Azevêdo.

“As pessoas que estão incomodadas ficam criando factóides. E nós não temos o que dizer de um governo agregador. Enquanto o outro (o ex-governador Ricardo Coutinho) se preocupa em afastar e destruir, o atual governador se preocupa em agregar. Essa é a diferença!”, comentou Doutora Paula.

Repórter PB

Destaques