Sousa/PB -
Abordagem

Polícia Militar recupera carro clonado e prende homem com mandado de prisão em Pombal

Durante abordagens dentro do cronograma da ”OPERAÇÃO CIDADE SEGURA”, os militares procederam a parada e fiscalização do veículo em comento, que trafegava na rodovia.

Da Redação Repórter PB

10/06/2021 às 09:21

Ads 970x250
Tamanho da fonte

Policiais Militares da 3ªCIA/14ºBPM, na noite de ontem (09), na BR 427, no trecho que liga as cidades de POMBAL à PAULISTA, recuperaram o veículo marca VW Amarok CD 4X4, placas PDE-5523/PE por se tratar de um veículo clonado. Ainda foi cumprido contra o condutor do veículo um Mandado de Prisão Vigente, expedido pela Vara Única de São Bento, com fulcro na Lei 2848 (Código Penal), artigo 129 §9º, um homem de 34 anos.


Durante abordagens dentro do cronograma da ”OPERAÇÃO CIDADE SEGURA”, os militares procederam a parada e fiscalização do veículo em comento, que trafegava na rodovia. Já no momento da realização do procedimento de buscas, os profissionais notaram que o local onde expõe alguns números do NIV (chassi) nos vidros apresentavam supressão, oculto, aparência de lixamento ou enxerto. Foi contatada a PRF que auxiliou com informações, dentre estas, que havia denúncia de um veículo idêntico ao originário, legalmente registrado estar em circulação no Estado da Paraíba.

Também foi mantido contato com o proprietário legal do veículo, residente no Estado do PE, que, foi comunicado do recolhimento do veículo e informou aos militares que estava recebendo notificações de multas, registradas em locais não trafegados.

O caso concreto foi apresentado à autoridade de Polícia Judiciária da cidade de Pombal, com Boletim de Ocorrência que narra detalhadamente os fatos, bem como constando em anexo a ordem judicial vigente em desfavor do foragido da justiça.

Fonte: Repórter PB

Ads 728x90

QR Code

Para ler no celular, basta apontar a câmera

Comentários

Aviso Legal: Qualquer texto publicado na internet através do Repórter PB, não reflete a opinião deste site ou de seus autores e é de responsabilidade dos leitores que publicam.