Sousa/PB -
Na Capital

MPPB fará audiência sobre preconceito religioso e situação do monumento de Iemanjá

A audiência será realizada no auditório da Promotoria de Justiça de João Pessoa, pela 46ª promotora de Justiça da Capital, Fabiana Lobo, que atua na defesa do cidadão.

Por Redação do Reporterpb

30/11/2023 às 19:54

Imagem Ministério Público da Paraíba

Ministério Público da Paraíba ‧ Foto: Divulgação

Tamanho da fonte

O Ministério Público da Paraíba (MPPB) vai promover, na próxima terça-feira (5/12), às 9h, uma audiência com gestores públicos do Município de João Pessoa, movimentos religiosos e a população sobre preconceito religioso. A audiência será realizada no auditório da Promotoria de Justiça de João Pessoa, pela 46ª promotora de Justiça da Capital, Fabiana Lobo, que atua na defesa do cidadão.

A audiência integra o Procedimento 001.2022.088797, instaurado para apurar a depredação da imagem de Iemanjá, divindade da religião de matriz africana, que está instalada na Praia do Cabo Branco. Segundo a promotora de Justiça, o monumento teve a cabeça degolada e as mãos decepadas, o que pode denotar racismo religioso. Um dos assuntos que deve ser debatido é a avaliação quanto à proposta de realocação da imagem, que foi solicitada pelo Movimento Negro à Prefeitura e as providências que o Município deve apresentar ao problema.

A Promotoria de Justiça de João Pessoa está localizada na Avenida Almirante Barroso, no Centro de João Pessoa. Para a promotora de Justiça, é fundamental que os movimentos religiosos, com destaque para os povos e comunidades terreiros, participem da audiência.

Fonte: Repórter PB

Ads 728x90

QR Code

Para ler no celular, basta apontar a câmera

Comentários

Aviso Legal: Qualquer texto publicado na internet através do Repórter PB, não reflete a opinião deste site ou de seus autores e é de responsabilidade dos leitores que publicam.