advogado

Ex-procurador-geral do Estado tem registro da OAB cassado na Paraíba

Embora seja alvo de diversas denúncias no esquema de corrupção investigado pela Operação Calvário, a decisão não se relaciona a este caso

O ex-procurador-geral do Estado da Paraíba, Gilberto Carneiro, perdeu nesta terça-feira (30) seu registro na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), conforme revelou o jornalista Clilson Junior no programa Arapuan Verdade, da Arapuan FM. Com a decisão, Gilberto Carneiro fica impedido de exercer a advocacia.

Embora seja alvo de diversas denúncias no esquema de corrupção investigado pela Operação Calvário, a decisão não se relaciona a este caso.

Gilberto Carneiro perdeu o registro na OAB porque a atividade de advocacia foi considerada incompatível com sua atividade principal, já que ele é servidor concursado do Ministério Público.

O ex-procurador geral de Justiça da Paraíba foi denunciado na Operação Calvário sob acusação de ter participado de uma organização criminosa que teria desviado dinheiro dos cofres públicos através de organizações sociais durante a gestão do então governador, Ricardo Coutinho (PSB). Ele foi preso em 17 de dezembro e foi posto em liberdade no dia 21 de fevereiro depois de um habeas corpus concedido pela ministra Laurita Vaz. Informação com clickpb

Repórter PB

Destaques