Sessão Ordinária

Pollyanna Dutra propõe redução da carga tributária no estado da Paraíba

Parlamentar reforça que o momento é oportuno para mudanças e fomento à geração de emprego e renda

A deputada Pollyanna Dutra propôs, durante discurso na Sessão Ordinária desta terça-feira (10), a redução da carga tributária no estado da Paraíba. Conforme a parlamentar, nos últimos anos, o estado tem vivenciado o fomento de práticas que não são benéficas para os empresários do estado, com altos impostos e tributações, o que tem trazido obstáculos quanto à geração de emprego e renda ao redor do estado.

“A carga tributária desse estado, ao longo de 10 anos, onerou muito a quem produz. E olhe que eu conversei nesse estado tanto com pequenos empresários quanto com médios e grandes, e vi que era um coro só, eles pedindo para que fosse desonerada a tributação tão alta aferida a quem produz. Isso impede e obstacula o setor produtivo de gerar emprego na Paraíba. Não se azeita a máquina pública onerando quem produz, mas sim fomentando para que a produção aumente, não tirando o pouco de quem já produz”, pontuou Dutra.

A deputada ainda pontuou as dificuldades enfrentadas por empresários de empreenderem na Paraíba, devido à alta carga tributária. Pollyanna Dutra destacou fundos específicos, impostos e tributações que têm aplicabilidade questionável. “Não sentimos isso na ponta, para onde vão esses fundos? Além disso, ainda tem a questão do cupom fiscal. O empresário já paga por esse cupom e ainda é tributado 3 centavos acima do cupom, isso traz ainda mais obstáculos, onera o empresariado. Não podemos mais perder tempo, com um governador técnico, que conhece o estado, que quer trazer o desenvolvimento à baila para que a gente possa discutir isso. Eu não vejo desenvolvimento sem passar pelo setor produtivo do estado da Paraíba”, acrescentou.

Para a Parlamentar, essa é a grande oportunidade da Paraíba alcançar um verdadeiro desenvolvimento, e o caminho para se alcançar isso passa pelo fomento ao setor produtivo. “É necessário fazer reparos, correções em um setor que produz, que gera emprego. Eu entendo que a geração de empregos e o desenvolvimento passam pelo fomento a participação de pequenos, médios e grandes empresários desse estado. Chegou o grande momento e acredito que o governador irá, sim, reparar esses males que geraram atrasos para o povo da Paraíba”, finalizou.

Repórter PB

Destaques