relatório

Conselheiro do TCE aponta má aplicação dos recursos do Magistério, e déficit orçamentário no Lastro

Despesas realizadas a conta de recursos do FUNDEB acima do total de ingressos de recursos desse fundo

O Município do Lastro está na mira do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba.

Relatório de Acompanhamento de Gestão, emitiu alerta ao Prefeito Athayde Diniz para observar sua Gestão, exercício 2019 em alguns pontos administrativos para não comprometer financeiramente o Erário Público.

Os alertas, assinados pelo Conselheiro Antônio Nominando Diniz Filho, revelam aplicações em Magistério inferiores ao mínimo legal (60% dos ingressos do FUNDEB).

Despesas realizadas a conta de recursos do FUNDEB acima do total de ingressos de recursos desse fundo.

Déficit na execução orçamentária, além de baixa realização de Investimentos.

Repórter PB

Destaques