Chocante

Explosão em fábrica de fogo de artifício faz sete mortos na China

O governo da cidade de Liuyang revelou em comunicado que a produção era ilegal.

Sete pessoas morreram e 13 ficaram feridas na explosão de uma fábrica de fogo-de-artifício na província chinesa de Hunan, centro do país.

O governo da cidade de Liuyang revelou em comunicado que a produção era ilegal.

Acidentes com fogo de artifício são comuns na China nas vésperas do Ano Novo Lunar, a principal festa das famílias chinesas, quando lançam explosivos e fogos-de-artifício para "afugentar os maus espíritos".

O governo local diz que os donos da fábrica foram detidos para interrogatório e que uma equipe vai nvestigar as causas do acidente. Na quinta-feira, as autoridades ordenaram a suspensão de toda a produção de fogo de artifício na cidade.

Acidentes industriais são frequentes na China, onde, em média, morrem 70 mil trabalhadores por ano, segundo a Organização Mundial do Trabalho.

Em 2015, duas explosões nas instalações químicas da zona portuária da cidade de Tianjin, nordeste da China, causaram pelo menos 165 mortos e prejuízos de mais de US$ 1 bilhões de dólares.

Com Agência Brasil

Repórter PB

Destaques