Apresentação

Programa Espaço Cultural festeja Dia da Mulher Africana

O primeiro bloco contará com canções de Dandara Alves, Helayne Cristini, As Calungas, Bixarte, Mebiah, Agnes Nunes e banda Gatunas.

O programa Espaço Cultural desta quinta-feira (29) festeja o Dia da Mulher Africana, com uma playlist voltada para o tema e com cantoras negras da cena paraibana. O Dia da Mulher Africana será no próximo sábado, dia 31. Editado e apresentado pelo jornalista Jãmarrí Nogueira, o programa realizado pela Fundação Espaço Cultural da Paraíba

O primeiro bloco contará com canções de Dandara Alves, Helayne Cristini, As Calungas, Bixarte, Mebiah, Agnes Nunes e banda Gatunas. A celebração segue no segundo bloco com músicas interpretadas por Cátia de França, Glaucia Lima, Afronordestinas, Sinamonis, Nina Ferreira, Vivi Stayner e Cida Alves.

O terceiro bloco terá Agoiê, Vó Mera, Luana Flores, Lucy Alves, Nathalia Bellar, Regina Brown, Polyana Resende, Sandra Belê e Zabé da Loca. No quarto bloco, finalizando o programa, uma entrevista com o cantor e compositor Nélio Torres, que vai lançar seu oitavo disco no próximo sábado, dia 31: ‘Parayba & Minas’.

 O programa Espaço Cultural – que só toca música da Paraíba - pode ser ouvido pelo site https://radiotabajara.pb.gov.br/radio-ao-vivo/ e, no dia seguinte à apresentação, fica disponível no canal da Funesc no YouTube.

Nélio Torres – Cantor, compositor, violonista, pesquisador musical e do folclore brasileiro, além de mestre de Cavalo Marinho, o paraibano Nélio Torres atuou como Educador Musical em creches e escolas da cidade do Rio de Janeiro, onde residiu entre os anos de 1987 e 2007. Depois, mudou-se para a cidade de Vitória (ES).

Em 2008, lançou o DVD com o documentário ‘Dança do Toré’, com pesquisa e entrevista sobre o ritual indígena das tribos e aldeias do distrito de Potiguara (gravado nas aldeias Aldeia Lagoa do Mato e Aldeia São Francisco), na Paraíba. Em 2013, foi empossado como acadêmico na Academia de Letras e Artes da Serra por seu trabalho como pesquisador musical.

Acumulou diversas premiações pelo MEC (Ministério da Cultura). Detentor de vários prêmios em diversas regiões do Brasil, entre os quais o "Título de Cidadão Espírito-Santense", pela ALES (Assembleia Legislativa do Estado do Espírito Santo) no ano de 2014, em Vitória. Atualmente, Nélio mora em Minas Gerais (onde desenvolve parcerias com artistas mineiros).

Neste sábado, dia 31, ele vai lançar seu oitavo disco: ‘Parayba & Minas’, que está saindo pelo selo QUAE e tem participação especial do violonista mineiro Toninho Horta.

Repórter PB

Destaques