ANÁLISE: Convenções, e definições na política em Sousa; Vídeo

Os sinais já apontam que a oposição deve mesmo indicar o nome de Leonardo Gadelha (PSC) como cabeça de chapa na Majoritária na Cidade de Sousa

Os sinais já apontam que a oposição deve mesmo indicar o nome de Leonardo Gadelha (PSC) como cabeça de chapa na Majoritária na Cidade de Sousa.

Para tanto já é visto nas ruas, feiras livres a presença de Leonardo Gadelha cumprimentando a população, e alguns vídeos elaborados revelando pontos de seu projeto político para o Município.

Também se ver a presença marcante do ex-prefeito André Gadelha (MDB) ao lado de Leonardo nos contatos com ao povo nos bairros, e vilarejos. Por isso, e outros motivos pode provar que a advogada Myriam Gadelha deve mesmo disputar vaga na Câmara de Vereadores, e não ascender a condição de candidata na majoritária, embora ela venha lutando para conseguir galgar a condição de cabeça de chapa neste momento.

A data para a divulgação oficial desta chapa das oposições foi marcada anteriormente para o dia 31 de agosto. Como essa agenda foi desfeita em atos passados, não se sabe ao certo se o Grupo Político das Oposições sousense deva cumprir o compromisso pretérito.


Na situação, o Prefeito Fábio Tyrone anda a passados largos para a convenção online marcada para o dia 06 de setembro. Será confirmada a mesma chapa de 2016: Tyrone e Zenildo Oliveira.

A população de Sousa espera que o pleito seja tranquilo nos debates, e que a baixaria política não tome o lugar das propostas decentes para o município.

Tenho dito

Pereira Jr.

Destaques