Sousa/PB -
Plantão

Feriadão da Semana Santa registra mais de 300 atendimentos no Hospital Edson Ramalho

Entre as cirurgias realizadas, 12 foram cirurgias gerais e uma toráxica.

Por Redação do Reporterpb

01/04/2024 às 19:40

Imagem Hospital do Servidor General Edson Ramalho (HSGER)

Hospital do Servidor General Edson Ramalho (HSGER) ‧ Foto: Divulgação

Tamanho da fonte

O feriadão da Semana Santa registrou 309 atendimentos no Hospital do Servidor General Edson Ramalho (HSGER), gerenciado pela Fundação Paraibana de Gestão em Saúde (PB Saúde) e pertencente à rede hospitalar do Governo do Estado. Das 7h da sexta-feira (29) até as 7h desta segunda-feira (1º de abril), foram atendidos 233 pacientes no setor de Urgência e Emergência, dentre os quais 13 precisaram passar por procedimento cirúrgico.
 
Na Maternidade, houve 24 partos, sendo 14 normais e 10 cesáreas, além de 52 atendimentos no Centro Obstétrico, dentre os quais 18 internamentos, uma cirurgia de laqueadura e uma curetagem.
 
Entre as cirurgias realizadas, 12 foram cirurgias gerais e uma toráxica. Não houve procedimentos eletivos durante o feriadão no HSGER. 
 
Já em relação aos atendimentos no setor de Urgência e Emergência, a maioria dos casos teve classificação de risco baixo. Ou seja, boa parte dos pacientes atendidos foram classificados com pulseiras verde ou amarelo (pouco urgente ou urgente, respectivamente), que significa situações não consideradas uma emergência, já que a pessoa possui condições clínicas para aguardar, com tempo máximo estimado para atendimento entre 60 e 120 minutos. 
 
Cores que salvam vidas - Confira qual o significado das cinco cores do Sistema de Classificação de Risco adotado no Hospital do Servidor General Edson Ramalho.
 
- Vermelho: Emergência
Essa cor indica que o paciente precisa de atendimento imediato por estar com a vida em risco. Paciente normalmente inconsciente. Tempo máximo para atendimento: 0 minuto.
 
- Laranja: Muito urgente
O paciente precisa de atendimento o mais rápido possível. Tempo máximo para atendimento: 10 minutos. 
 
- Amarela: Urgente
O paciente precisa de avaliação. Não é considerada uma emergência, já que possui condições clínicas para aguardar. Tempo máximo para atendimento: 60 minutos. 
 
- Verde: Pouco urgente
É o caso menos grave, que precisa de atendimento médico, mas pode ser assistido no consultório médico, ambulatorialmente. Tempo máximo para atendimento: 120 minutos. 
 
- Azul: Não urgente
Paciente não-grave. Tempo máximo para atendimento: 240 minutos.

Fonte: Secom

Ads 728x90

QR Code

Para ler no celular, basta apontar a câmera

Comentários

Aviso Legal: Qualquer texto publicado na internet através do Repórter PB, não reflete a opinião deste site ou de seus autores e é de responsabilidade dos leitores que publicam.