Evento Remoto

Saúde incentiva implementação do serviço de teleodontologia nos municípios

O objetivo é incentivar os municípios a implementarem essa ferramenta que ajuda os profissionais de saúde bucal a fazerem uma avaliação do paciente antes de agendar o atendimento presencial

A Secretaria de Estado da Saúde (SES), por meio da coordenação de Saúde Bucal, promoverá a palestra “Uso da teleodontologia na APS e no CEO” nesta sexta-feira (16). O evento ocorrerá de forma remota, das 14h às 16h, e terá como palestrante o coordenador de Saúde Bucal de Varginha, Minas Gerais, Augusto Cesár Sousa Raimundo. O objetivo é incentivar os municípios a implementarem essa ferramenta que ajuda os profissionais de saúde bucal a fazerem uma avaliação do paciente antes de agendar o atendimento presencial. 


A palestra tem como público alvo os coordenadores municipais de Saúde Bucal, os gerentes dos Centros de Especialidades Odontológicas (CEO) e os dentistas da Rede de Saúde Bucal da Paraíba. O evento será realizado em parceria com a UFPB. O link para participar do ciclo de atualização é o https://meet.google.com/mwh-thia-thm

Teleodontologia é uma ferramenta que auxilia os profissionais de saúde bucal no acompanhamento e orientação aos usuários. Encorajada para ser utilizada amplamente pelo SUS durante a pandemia do coronavírus, esta ferramenta ajuda o profissional a fazer uma avaliação com relação ao estado de saúde bucal do usuário, analisar o grau de gravidade e, se necessário, fazer o agendamento que o paciente possa realizar o atendimento presencial. 

De acordo com o coordenador de Saúde Bucal da SES, Marcílio Macaíba, alguns municípios já utilizam a ferramenta na Paraíba, mas a ideia é fazer com que este serviço seja ofertado por todos. Ele afirma que o objetivo da palestra é aprender um pouco mais sobre a ferramenta com o coordenador de Saúde Bucal de Varginha, cidade que tem a teledontologia como uma experiência exitosa. 

“A teleodontologia vem colaborar, no sentido de que ela vai poder dar ao profissional a condição de analisar a urgência de determinados procedimentos. Essa palestra irá engrandecer ainda mais o entendimento sobre a ferramenta e fazer com que os colegas coordenadores de saúde bucal dos municípios possam implementar o serviço aqui e, para aqueles que já trabalham com a teleodontologia, que possam aperfeiçoar o atendimento”, pontua. 

Repórter PB

Destaques