Referência

Em 5 anos de atividade, Hospital Geral de Mamanguape realiza quase 8 mil partos

Formada por uma equipe humanizada e capacitada tecnicamente, a instituição já realizou, desde a inauguração em outubro de 2014, quase oito mil partos, sendo a maior parte deles normal.

Há exatos cinco anos, depois de um longo período sem a presença de uma assistência voltada para as gestantes da região, a maternidade do Hospital Geral de Mamanguape passou a ser a primeira casa dos novos filhos do Vale. Desde então, a unidade acolhe com carinho e respeito cada família que acompanha a chegada de uma nova vida. Formada por uma equipe humanizada e capacitada tecnicamente, a instituição já realizou, desde a inauguração em outubro de 2014, quase oito mil partos, sendo a maior parte deles normal.

Referência em partos de baixo risco, a maternidade do HGM também comemora o fato de ter taxa de mortalidade materna igual a zero, o que significa que desde o início das atividades, nenhuma mulher veio a óbito por causas relacionadas à gestação e ao parto. Além disso, o complexo hospitalar desenvolve atualmente mais de 40 projetos de humanização, entre os quais se destacam o Primeiro Click, Spa Gestacional e o acompanhamento de uma doula, tudo isso com o propósito de tornar a experiência do parto e da maternidade ainda mais especial.

Com a pequena Eloá nos braços, a mamãe Maiara Silva agora é só alegria. Ela que veio da cidade de Jacaraú, umas das beneficiadas pela assistência prestada pelo HGM, agradeceu a toda a equipe pelos cuidados que tiveram com ela e a bebê. “Estou muito feliz e agradecida a todo mundo que cuidou da gente, com certeza o que mais gostei daqui do Hospital de Mamanguape foi o atendimento”, afirmou a jovem.

O Hospital Geral de Mamanguape conta com 70 leitos e oferece aos pacientes exames laboratoriais, eletrocardiograma e raios-x, além de uma maternidade. O complexo hospitalar atende aos moradores dos municípios que compõem a região do Vale do Mamanguape: Rio Tinto, Pedro Régis, Mamanguape, Baía da Traição, Capim, Cuité de Mamanguape, Curral de Cima, Itapororoca, Jacaraú, Marcação e Mataraca.

Repórter PB

Destaques