Delivery

Polícia prende suspeito de se passar por motoboy para entregar drogas

O veículo também estava com o escapamento irregular.

A Polícia Militar prendeu, na noite desse domingo (12), um suspeito que se passava por motoboy para fazer a entrega de drogas em bairros da Região Metropolitana de João Pessoa. A prisão do homem, que tem 23 anos, aconteceu na cidade de Bayeux. Ele utilizava uma mochila térmica, com a marca de uma rede de entregas por aplicativo para reforçar o disfarce. Dentro do recipiente, os policiais encontraram maconha.

O comandante da 4ª Cia Independente da PM, major José Targino, disse que ele estaria atuando especificamente na entrega de drogas. “Era um delivery de drogas, pelo que constatamos, pois dentro da mochila não havia nenhum alimento, apenas as porções de maconha. Ele é do bairro do Castelo Branco, na Capital, e os pedidos seriam feitos por meio de aplicativo de mensagens, o que deve ser melhor apurado nas investigações, para chegar aos outros envolvidos”, detalhou.

O esquema foi desarticulado durante a Operação Nômade, em um bloqueio realizado na avenida Marechal Rondon, no bairro Jardim Aeroporto, que fica na cidade de Bayeux. A moto foi parada e na abordagem para conferir se realmente era um motoboy, os policiais encontraram a droga na mochila. O veículo também estava com o escapamento irregular.

O caso foi levado para a Central de Flagrantes, em João Pessoa.

Segurança dos motoboys – Assim como todos os trabalhadores que atuam em atividades essenciais, os motoboys tiveram a segurança reforçada por parte da Polícia Militar, para prevenir assaltos contra esses profissionais, durante todo o período de distanciamento social. A atuação também teve o objetivo de evitar que criminosos se passassem por trabalhadores desta profissão.

Repórter PB

Destaques