estudantes

Alunos da Rede Estadual participam da etapa nacional da Olimpíada Brasileira de Informática

Eles vão representar a Rede Estadual de Educação da Paraíba na etapa nacional, que acontece no dia 5 de outubro, em Brasília.

Dois estudantes da Escola Cidadã Integral Técnica Jornalista José Itamar da Rocha Cândido, localizada no município de Cuité, foram aprovados para a fase nacional da Olimpíada Brasileira de Informática (OBI). Eles vão representar a Rede Estadual de Educação da Paraíba na etapa nacional, que acontece no dia 5 de outubro, em Brasília.

Hércules da Costa e José Francisco de Souza Neto são alunos do 1º ano do Ensino Médio da ECIT Cuité, onde fazem o curso técnico de Informática concomitante ao ensino médio. Com o auxílio do professor de informática, Mateus Dantas, os estudantes conseguiram vencer a etapa local, com concorrentes dentro do próprio município, e a etapa estadual, concorrendo com escolas particulares e o Instituto Federal da Paraíba (IFPB), que terão cinco alunos na nacional.

O treinamento para a realização das provas aconteceu dentro da própria escola. Lá, os estudantes formaram clubes de protagonismo e, no intervalo das aulas e nos horários de refeição, o professor ajudava os alunos com teorias e exercícios extras.

A Olimpíada ocorre em duas modalidades: a primeira delas é a de iniciação, da qual participam escolas de ensino fundamental, e a segunda etapa é a modalidade de programação, para os ensinos médio e superior, na qual os dois estudantes estão concorrendo. Caso vençam a etapa nacional, os estudantes serão premiados com cursos gratuitos dentro da área de programação, além de participar de uma semana de imersão em tecnologia na Unicamp, em Campinas (SP) e, posteriormente, visitam a cidade de Baku, polo de tecnologia, no Azerbeijão.

O professor Mateus Dantas conta sobre o momento em que informou aos meninos sobre a vitória na etapa estadual. “Quando eu falei que eles haviam passado, foi um momento inexplicável. Eles choraram muito, porque sabem que batalharam bastante, foi uma emoção enorme”, disse emocionado, ressaltando que o sentimento é de gratidão. “Foi uma conquista maravilhosa, eu fiquei muito emocionado como professor. Eu nunca havia visto isso, dois alunos de ensino médio, do 1º ano, conseguirem ir tão longe, e eu estou muito feliz e satisfeito por estar realizando o projeto de vida deles, porque é nisso que trabalhamos”, relata o professor.

O estudante José Francisco conta que se sentiu maravilhado por acreditar que conquistar a aprovação na olimpíada seria um sonho inalcançável. “Foi uma sensação espetacular. Eu acho que se eu não tivesse nessa escola eu não estaria seguindo o meu projeto de vida, por isso a importância das escolas integrais técnicas. Com a OBI eu estou conseguindo aperfeiçoar esse meu aprendizado em programação”, conta satisfeito o estudante.

Ainda que a vitória não aconteça na etapa nacional, que será realizada no início do mês de outubro, a equipe já se sente realizada com todo o trajeto até então. “Eu agradeço também ao Governo da Paraíba pelo modelo de Escola Cidadã, porque ele faz com que o professor tenha mais proximidade com aluno na vida acadêmica, e graças a isso, a gente está conseguindo quebrar recorde dentro da nossa escola. Mesmo que não consigamos ganhar a etapa nacional, estamos satisfeitos, pois sabemos que isso já é uma vitória, porque os meninos chegaram muito longe e o mais importante é o conhecimento que eles adquiriram”, explica o professor.

Repórter PB

Destaques