Delação de Waldson ao STF, e o Tsunami junto aos Prefeitos Paraibanos; Alguém se afoga?

O ex-secretário de Saúde do Estado estaria pronto para revelar, os porões, os caminhos que levaram certos Gestores Paraibanos

O homem de confiança do Governo Ricardo Coutinho conseguiu mais uma delação premiada junto ao Supremo Tribunal de Justiça.


A delator trata-se do ex-secretário de saúde do Estado da Paraíba, Waldson de Sousa investigado da “Operação Calvário”, esquema de corrupção organizada, criminosa que teria desviado dos cofres públicos no Governo RC mais de R$ 134 milhões, conforme investigação do GAEGO.


Fontes paraibanas revelam que o ex-todo-poderoso Waldson estaria “esquecido” dos ex-amigos, com dificuldades financeiras, abandonado pelo seu ex-chefe, Ricardo Coutinho, o que teria lhe motivado a buscar a “Delação” junto a Justiça.


Conforme essa mesma fonte estadual, os documentos com a solicitação da “delação premiada” já teriam chegados ao STF, e faltava agora apenas, marcar a data do depoimento que seria online junto a Justiça.


O ex-secretário de Saúde do Estado estaria pronto para revelar, os porões, os caminhos que levaram certos Gestores Paraibanos a também terem envolvimentos com o maior esquema de roubo já descoberto aos cofres públicos até o momento pela Justiça durante o Governo de Ricardo Coutinho (PT).


O assunto já provoca abalos sísmicos em alguns prefeitos, especialmente sertanejos que foram muito próximos de RC, e a fala de Waldson poderá ainda provocar um Tsunami na Politica paraibana nos próximos dias, principalmente quando se aproxima a eleição estadual.


Só pra lembrar mais um pouquinho. Em 2018, Waldson de Sousa, e a Sousense Livânia Farias foram os coordenadores da campanha de João Azevedo no Sertão da Paraíba.


É aguardar para ver o que acontecerá.

Tenho Dito


Pereira Jr.
Articulista, analista político, Apresentador, e Editor do Portal REPORTERPB

 

imagem: divulgação

Destaques