Sousa/PB -
eleição 2024

Tyrone revela que acabou a negociata na política de Sousa, e acrescenta: “Eu nunca me vendi, mas comprei muita gente, infelizmente”; Ouça

A fala de Tyrone trouxe muitas revelações consideradas “bombásticas”

Da Redação Repórter PB

14/11/2023 às 21:59

Imagem Prefeito de Sousa, Fábio Tyrone

Prefeito de Sousa, Fábio Tyrone ‧ Foto: divulgação

Tamanho da fonte

Durante participação no Programa REPORTERPB no Rádio pela 104,3 FM nesta terça-feira (14), o Prefeito de Sousa, Fábio Tyrone (PSB), fez duras, e severas críticas aos seus opositores no mesmo dia em que o vice-prefeito, Zenildo Oliveira declina da condição de pré-candidato a Prefeito da base situacionista.

A fala de Tyrone trouxe muitas revelações consideradas “bombásticas”, citando nomes de algumas lideranças da oposição sousense, começando pelo “ajuntamento é pior da história de Sousa. Imagine o pior prefeito de Sousa: João Estrela, o pior prefeito, Salomão, o pior prefeito André. Vamos fazer uma eleição, quem é o pior prefeito: André, João ou Salomão? São eles que vão disputar a eleição com candidato ‘velho’ que se quer uma roupa comprou, lavou uma roupa nova. Gilberto é antigo demais. Useiro, e vezeiro nas piores práticas políticas”, acusou.

Sem ainda se conformar com a declaração inicial, Tyrone sustentou a respeito do agrupamento oposicionista: “é a pior junção política da história de Sousa. O meu time está convocado para derrotar os maiores ofensores, adversários da histórica política de Sousa”.

O Prefeito continuou sua fala, e aumentou o tom e fez críticas diretas a Dr. Gilberto Sarmento, pré-candidato a Prefeito das oposições: “o candidato deles sabia pescar, sabe mentir, sabe enrolar, não gosta de pobre, detesta gestão. Os Gadelhas, os Estrelas, eles juntos representam o pior da política de Sousa, e eu sou contra eles, contra os que eles representam”.

Em outro momento da entrevista, Tyrone relatou que, fatos relacionados à eleição da mesa diretora da Câmara em dezembro de 2023. “Quem comprou a eleição da Câmara por ¼ de milhão de real foi esse grupo ai. Eu vou dizer na campanha quando me custou o apoio de algumas pessoas na eleição de 2008. Ou, me apoiaram pelos meus olhos verdes? Eu vou dizer. Já está no meu livro. Eu vou dizer que em 2008 não me apoiaram pelos meus olhos verdes. Eu vou dizer com testemunhas quanto custou apoiamento de algumas pessoas a minha campanha de 2008. Vou dizer quanto custou o apoiamento da eleição da Câmara. Não foram pelos bons propósitos”, frisou. 

Comentando ainda os fatos políticos pretéritos em Sousa, vivenciados, Tyrone concluiu: “Tem gente que faz a feira, vendendo apoio na política. Se fosse trabalhando, tudo bem. Eu tenho coragem para dizer isso. Eu sei de muitas coisas, e eu vou dizer. Não vão cortar a minha língua. Acabou a era dos negociantes da política em Sousa. Eu sei de muita coisa. Bote as barbas de molho. Eu nunca me vendi, mas comprei muita gente, infelizmente”.

O Portal REPORTERPB manteve contato com algumas lideranças políticas citadas por Fábio nesta reportagem, porém declaram que não responderiam no momento as ofensas, e acusações gratuitas, já que ninguém falou nada a respeito da pessoa do prefeito Tyrone.

O programa REPORTERPB no Rádio é apresentado de segunda a sexta, das 18h/19h na 104,3  FM com Pereira Jr, Dinha e Ian, transmissão pelas redes sociais.

Ouça aqui 

Fonte: Repórter PB

Ads 728x90

QR Code

Para ler no celular, basta apontar a câmera

Comentários

Aviso Legal: Qualquer texto publicado na internet através do Repórter PB, não reflete a opinião deste site ou de seus autores e é de responsabilidade dos leitores que publicam.