Entrevista

Tyrone pede calma aos aliados, e revela não ver motivos para mudanças e remanejamento nos 100 dias

O prefeito ainda revelou que vai se reunir com o governador João Azevêdo, no próximos dias, para saber se, em Sousa ainda existe cargos disponíveis para agregar alguns amigos e aliados

Nos 100 dias do governo, Fábio Tyrone demonstrou que não tem nenhum interesse de trocar ou remanejar os secretários de sua gestão, embora entendendo que o momento é de pandemia.


Tyrone pede paciência para os seus aliados, pois o momento que o município de Sousa e o Brasil passa é por um momento difícil que é a pandemia do novo Coronavírus.

O prefeito ainda revelou que vai se reunir com o governador João Azevêdo, no próximos dias, para saber se, em Sousa ainda existe cargos disponíveis para agregar alguns amigos e aliados que estão na fila de espera para comer a fatia do bolo do governo. 

Assista a entrevista com o prefeito Fábio Tyrone:


Repórter PB

Destaques