Saúde

Vítimas de acidente de trânsito chegam a quase 20% dos atendimentos no Hospital Regional de Patos

Dos 33 pacientes atendidos em função de acidentes, 27 eram motociclistas. O plantão de maior movimento foi o do dia 24, quando 82 pacientes deram entrada na unidade.

O balanço de atendimentos do Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro de Patos (CHRDJC) durante o fim de semana, entre as 18h da última sexta-feira (23) e as 6h da manhã dessa segunda-feira (26), registrou no setor de Urgência e Emergência um total de 172 atendimentos. Neste período, a unidade, que integra a rede estadual de saúde, atendeu 33 pessoas vítimas de acidentes de trânsito. Dos 33 pacientes atendidos em função de acidentes, 27 eram motociclistas. O plantão de maior movimento foi o do dia 24, quando 82 pacientes deram entrada na unidade.

Na Urgência e Emergência, depois dos casos de acidentes de trânsito, as causas mais recorrentes de atendimentos foram, por ordem de quantidade, pacientes com dor abdominal (19), seguida de queda da própria altura (17), dor no peito, hipertensão e queda de nível (com oito ocorrências cada um). Houve ainda casos de contusões diversas, dificuldade de respirar, dor renal, dor no braço, no tórax, acidentes com animais peçonhentos, dor no olho, dor na coluna, entre outras demandas, foram as causas mais comuns de atendimentos.

Das vítimas de acidentes de trânsito, a cidade de Patos, onde localiza-se o Complexo, foi a que mais teve pacientes atendidos, num total de 13 pessoas, seguida da cidade de Cacimbas, com três pacientes e Água Branca, com duas pessoas. As outras demandas para a unidade vieram das cidades de Cajazeiras, Catingueira, Desterro, Diamante, Igaracy, Itaporanga, Matureia, Nova Olinda, Olho D´água, Piancó, Santa Gertrudes, Santana dos Garrotes, São Mamede e Imaculada, com o registro de um paciente por cada município citado. Dos 33 acidentados, 26 eram do sexo masculino e sete do sexo feminino.

Repórter PB

Destaques