Falecimento

Maia cancela sessão por causa da morte do deputado Assis Carvalho

Deputado pelo Piauí morreu ontem de infarto

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), cancelou a sessão remota da Casa marcada para hoje (6), devido ao falecimento do deputado federal Assis Carvalho (PT-PI), ocorrido ontem (5) em Oeiras (PI). Maia divulgou uma nota de pesar pela morte do deputado e anunciou o cancelamento das sessões. A vaga deixada por Carvalho será assumida pelo suplente Merlong Solano (PT-PI).

"Esta Presidência registra, com pesar, o falecimento do Deputado Assis Carvalho, que exercia o cargo de Quarto Suplente de Secretário na Mesa desta Casa. Comunico que ficam canceladas as sessões da Câmara dos Deputados convocadas para esta segunda-feira, 6 de julho, e para terça-feira, 7 de julho", disse Maia na nota.

Assis Carvalho, que nasceu no povoado de Santo Antônio, em Oeiras, estava em seu terceiro mandato como deputado federal e morreu vítima de um infarto. O deputado tinha 58 anos e era formado em Letras-Português pela Universidade Federal do Piauí (UFPI).

Ontem (5), Maia manifestou pesar pela morte do parlamentar em suas redes sociais. “Assis honrou o mandato concedido pelo povo do Piauí e lutou pela construção de um país mais justo. Estou certo de que a lembrança do deputado Assis permanecerá entre todos que conviveram com ele e que compartilharam a sua luta por mais solidariedade social.”

O governo do estado do Piauí decretou luto oficial de três dias. Em nota divulgada no domingo (5), a presidente do PT, Gleisi Hoffman, lamentou a morte do deputado. "O partido lamenta a morte de Assis, presidente do PT no Piauí, e manifesta solidariedade à família e amigos, neste momento difícil. Em nome do PT e de toda a direção e da militância da legenda, expressamos nossos sentimentos e o luto. Assis, Presente!", diz a nota.

Com o Agência Brasil. 

Repórter PB

Destaques