Estado

Governo firma parceria com ONG Humanitas360 para oferecer curso superior no sistema prisional

O anúncio foi feito pelo governador João Azevêdo, durante audiência virtual do Orçamento Democrático das regiões de Guarabira, Cuité e Picuí.

O Governo do Estado, em parceria com a ONG Humanitas360, vai proporcionar aos apenados a oportunidade de ingresso em cursos profissionalizantes e em cursos de nível superior. O anúncio foi feito pelo governador João Azevêdo, durante audiência virtual do Orçamento Democrático das regiões de Guarabira, Cuité e Picuí, nessa quarta-feira (5).

Inicialmente, por meio da parceria com a entidade, serão implantados laboratórios de informática nas unidades prisionais para ofertas de cursos de capacitação e profissionalização para os apenados à distância (EaD). A ONG Humanitas360 é uma organização não governamental que visa reabilitar pessoas que estão presas e está sediada nos Estados Unidos; no Brasil, com sede em São Paulo, atuando também em outros países da América.

“É fundamental, pois o trabalho recupera e estimula cada cidadão e o profissionaliza. O grande exemplo foi o que aconteceu durante a pandemia quando as apenadas que trabalhavam no Projeto Castelo de Bonecas direcionaram suas ações para fabricação de máscaras e junto com outras unidades prisionais confeccionaram quase 300 mil máscaras”, ressaltou o governador João Azevêdo.

Na prestação de contas das ações, João Azevêdo também tratou de outros assuntos, como a implantação do Escritório Social, que deverá ser inaugurado até o final deste mês. O escritório é resultante de acordo de cooperação técnica entre o Governo do Estado, Conselho Nacional de Justiça e Tribunal de Justiça da Paraíba, por meio do qual o egresso do sistema prisional terá acesso a uma rede de serviços de apoio, como saúde, assistência, educação, qualificação profissional – e, também, para inserção no mercado de trabalho.

Repórter PB

Destaques