Release

Justiça Federal disponibiliza ferramenta de acompanhamento da digitalização de processos

Até agosto de 2019, serão inseridas mais de 21 mil ações no sistema PJe

A Justiça Federal na Paraíba divulgou a ferramenta “Digitômetro”, que permite dar ampla publicidade à digitalização dos processos físicos no âmbito da Seccional. Desenvolvido através do Núcleo Judiciário, o sistema permite acompanhar, em tempo real, a quantidade de processos e de folhas digitalizadas dia a dia pelas Varas Federais. O link de acesso está disponível na página da Justiça Federal (www.jfpb.jus.br).

“Assegurar que as ações judiciais sejam solucionadas no menor tempo possível é um dos maiores desafios do judiciário. Uma das maneiras encontradas para agilizar a tramitação de processos seria digitalizá-los e migrá-los para o sistema PJe, permitindo que a tramitação das ações sejam totalmente eletrônicas”, explicou o diretor do Foro, juiz federal Bruno Teixeira de Paiva.

De acordo com o diretor do Núcleo Judiciário, Ricardo Correia, em janeiro deste ano, havia 28.190 processos físicos aptos à digitalização em toda a JFPB. “Neste momento, já tornamos digitais 5.081 ações. Considerando os novos processos que foram distribuídos e os baixados, temos hoje 21.075 processos aptos à digitalização. A meta é que esta Seccional seja 100% digital até agosto de 2019”, destacou.

Atualmente, estão em ritmo avançado as digitalizações nas 5ª, 8ª, 10ª e 14ª Varas Federais e a partir da segunda quinzena de julho será a vez da 3ª Vara começar os trabalhos. A 4ª e a 11ª Varas já concluíram a empreitada, com a eliminação dos processos físicos do acervo.

Repórter PB

Comentários

Aviso legal: Todo e qualquer texto publicado na internet através do Repórter PB , não reflete a opinião deste site ou de seus autores e são de inteira responsabilidade dos leitores que publicarem.

Destaques