Competição

Capital paraibana sedia Campeonato Brasileiro Escolar de Vôlei de Praia

A competição, que vai contar com representantes dos 26 estados do Brasil e ainda do Distrito Federal, é válida como classificatória para o Mundial de Desporto Escolar.

João Pessoa vai sediar o Campeonato Brasileiro Escolar de Vôlei de Praia. O evento, que terá a duração de seis dias, é realizado pela Confederação Brasileira de Desporto Escolar (CBDE) e vai contar com a solenidade de abertura, na terça-feira (27), às 19h, na praia do Cabo Branco, local onde também ocorrerão as partidas.

A competição, que vai contar com representantes dos 26 estados do Brasil e ainda do Distrito Federal, é válida como classificatória para o Mundial de Desporto Escolar, que está marcado para ocorrer na Itália, no período de 3 a 10 de outubro. Ao todo, estarão presentes 300 atletas, nas categorias: 13 e 14 anos, 15 e 16 e ainda e ainda 17 e 18, todas nos naipes masculino e feminino.

O diretor do evento, Clésio Prado, destacou o apoio do Governo do Estado ao campeonato. “O apoio que o Governo do Estado deu a essa competição foi de fundamental importância, pois além disso, está havendo um grande envolvimento dos que fazem a Sejel para que tudo possa acontecer com muito êxito. A Paraíba estará sendo o centro das atenções no vôlei de praia durante quase uma semana”, disse Clésio.

Segundo Harlen Vilarim, na abertura haverá uma homenagem ao ex-atleta da modalidade, Nináua, que é considerado o precursor do vôlei de praia na Paraíba. “Na abertura, Nináua vai receber uma homenagem, pois foi com ele, no início dos anos 1990, que o vôlei de praia começou aqui no estado”, ressaltou.

Para o secretário executivo de Esporte e Lazer, José Marco, a Paraíba tem uma história com a modalidade e ratificou o apoio à competição. “Nosso estado tem uma grande história para com o vôlei de praia e, agora, chegou a hora de um Campeonato Brasileiro entre atletas na faixa etária escolar”, concluiu José Marco, que foi medalhista olímpico, no ano de 2000, em Sydney, na Austrália.

Repórter PB

Destaques