Deu um Tempo

Daniel Alves comunica que não assinará com nenhum clube até o fim do ano: "Não é sobre dinheiro"

Fora da lista de convocados de Tite para jogos da seleção brasileira nas Eliminatórias da Copa do Mundo, lateral não chegou a acordo com Fluminense e outros clubes com os quais conversou

Após o fim das negociações com o Fluminense e o não avanço nas conversas com outros clubes, Daniel Alves comunicou em suas redes sociais que não assinará com nenhum time até o fim do ano.


O prazo para inscrições de jogadores no Campeonato Brasileiro se encerra nesta sexta-feira. Com as janelas das principais ligas europeias fechadas, o lateral-direito de 38 anos teria como possibilidade ligas secundárias da Europa ou mercados alternativos em outro continente. Com o "período sabático", o campeão olímpico poderá se realocar em um novo clube no início de 2022, quando reabrem as janelas das principais do Velho Continente e o mercado brasileiro.

No post, Daniel, que estava sem clube após rescindir com o São Paulo na semana passada, ressaltou o fato de ter sido campeão pelo time "do coração" e disse que a decisão tomada não levou em consideração "dinheiro", mas sim "valores", "hombridade", "caráter" e "legado".

- Venho aqui comunicar que optei por não assinar com nenhum clube para o resto do ano. Vim ao Brasil por um sonho de criança, e o sonho foi realizado. Ser campeão com o clube do coração não tem preço. Não é sobre dinheiro, é sobre valores, é sobre hombridade, é sobre caráter, É SOBRE LEGADO - escreveu.

Sem clube, Daniel Alves ficou fora também da lista de convocados de Tite para os últimos três jogos da seleção brasileira neste ano pelas Eliminatórias da Copa do Mundo do Catar.

- As decisões difíceis precisam ser tomadas, mas como sempre nada na minha vida foi fácil. É apenas mais uma decisão. Agradeço a todos pelo interesse, mas gostaria que o capitulo fosse fechado sem nenhuma interferência. Sei que foi comentado muitas coisas, mas a verdade é só uma, vim aqui por um sonho e saio daqui realizado. Muito obrigado #ITSNOTOVER #IWILLBEBACK - completou Daniel.

Jogador com mais títulos na história, Daniel Alves chegou ao São Paulo em 2019 em uma contratação considerada como uma das maiores do futebol brasileiro. Campeão paulista nesta temporada, o lateral entrou em atrito com o clube em razão de uma dívida milionária. O veterano tinha vencimentos de cerca de R$ 1,5 milhões por mês. Após o desgaste, Daniel chegou a um acerto para rescindir com o São Paulo. No acordo, o clube se comprometeu a pagar parcelas mensais de R$ 400 mil ao longo de cinco anos, totalizando R$ 24 milhões.

Livre no mercado, Daniel Alves foi procurado por quatro clubes do Brasil e do exterior segundo informou seu estafe. Dentre eles, Athletico-PR, Flamengo e Fluminense. O Tricolor foi o que mais se empenhou na contratação. Após propostas e contrapropostas, chegou a ficar confiante em um desfecho positivo nesta quinta-feira. Porém, as partes não chegaram a um acordo e as negociações foram encerradas.



Fonte: Globo Esporte. 

Repórter PB

Destaques