Possibilidades

Em reta final de negociação, saída de Dudu por empréstimo também é cogitada

Na prática, o desenho de dois modelos de negociação para o Al Duhail aumentas as chances de saída de Dudu.

A arrastada negociação de Dudu com o Al Duhail vive sua reta final e pode ser enfim encerrada na próxima semana. Uma das possibilidades tratadas pelas partes para viabilizar a transferência, além da negociação em definitivo, é um acordo por empréstimo com o Palmeiras.

Entre as alternativas desenhadas pelos clubes estão a negociação em definitivo por 13 milhões de euros (R$ 77,7 milhões) ou empréstimo por um ano mediante o pagamento de 7 milhões de euros (R$ 41,8 milhões), com opção de compra ao final por mais 6 milhões de euros (R$ 35,8 milhões), além de bônus.

Após recusar diferentes ofertas de clubes do exterior desde 2015, Dudu, acusado de agressão pela ex-esposa, já deixou claro para o Palmeiras o desejo de ser negociado, o que vem pesando de maneira decisiva na negociação com o Al Duhail. A expectativa é por um desfecho ainda na próxima semana.

Na prática, o desenho de dois modelos de negociação para o Al Duhail aumentas as chances de saída de Dudu. No entanto, diante da arrastada tratativa com o time do Catar, a posição da diretoria do clube alviverde é atuar com prudência até ver a oferta concreta na mesa.

Neste domingo, por meio de nota postada em seu site oficial, o Al Duhail anunciou a rescisão de contrato com o croata Mario Mandzukic. A medida pode ser interpretada como um indício da disposição do clube em contratar Dudu, já que abre uma vaga de estrangeiro no elenco.

A negociação com o Al Duhail coincide com um período turbulento para Dudu, acusado de agressão pela ex-esposa Mallu Ohanna, versão que ele nega. Vinculado ao Palmeiras até o fim de 2023, o atacante ganhou a Copa do Brasil (2015) e o Campeonato (2016 e 2018), acumulando 70 gols em 305 partidas pelo clube.

 

Com Gazeta Esportiva

Repórter PB

Destaques