Atacante

Deyverson acumula médias negativas pelo Palmeiras na temporada

Deyverson disputou 36 partidas na temporada atual, tendo marcado em sete oportunidades, média de 0,19 gols por jogo.

Neste final de semana, Deyverson balançou as redes contra o Athletico-PR e ajudou o Palmeiras a sair da Arena da Baixada com um empate. Contudo, antes do tento diante do Furacão, o camisa 16 passou por um jejum de pouco mais de quatro meses sem marcar, período que o deixou com a pior média de gols entre os centroavante do Verdão.

Deyverson disputou 36 partidas na temporada atual, tendo marcado em sete oportunidades, média de 0,19 gols por jogo. Com cinco gols em 22 jogos, o colombiano Borja está na frente com uma média de 0,23 tentos por partida, sendo o segundo melhor em relação à estatística, atrás apenas de Luiz Adriano.

O camisa 10, que chegou no segundo semestre deste ano, balançou as redes seis vezes em onze atuações com a camisa alviverde. Assim, ele acumula uma média de 0,54 gols por jogo deste que se tornou um jogador da equipe paulista.

Além disso, Deyverson também vem registrando os piores números desde 2017, seu primeiro ano no Palmeiras. No ano passado, quando foi importante para o título do Campeonato Brasileiro, o jogador de 28 anos entrou em campo 42 vezes e fez dez gols (nove na competição nacional), o que equivale a 0,24 por partida. Já em 2017, ele fez sete gols em 20 jogos disputados, com uma média de 0,35.

Agora, o atacante pode ter a chance de melhorar seu desempenho já no próximo domingo (27), quando o Palmeiras vai a Florianópolis para enfrentar o Avaí na Ressacada, às 18h (de Brasília), pela 28ª rodada do Brasileirão. No momento, o Verdão ocupa a vice-liderança com 54 pontos.

Com Gazeta Esportiva

Repórter PB

Destaques