Reforço

Real Madrid oficializa contratação de Éder Militão por seis anos

O contrato vai até 2025.

O primeiro reforço da temporada 2019/20 do Real Madrid foi oficializado na manhã desta quinta-feira. Em nota em seu site, os blancos confirmaram o defensor Éder Militão, do Porto e revelado pelo São Paulo, como novo atleta do clube, poucos dias após o retorno de Zinédine Zidane ao comando técnico da equipe. O contrato vai até 2025.

“O Real Madrid e o FC porto chegaram a um acordo pela transferência do jogador Éder Militão, que ficará vinculado ao clube durante as próximas seis temporadas, até dia 30 de junho de 2025”, diz a nota oficial.

Militão era especulado no Real Madrid desde a janela de transferências passada. Apesar do acordo selado agora, o defensor chegará na Espanha em junho, durante a janela de verão europeia. Segundo a imprensa espanhola, o negócio é avaliado em 50 milhões de euros (R$ 215 milhões) e contou com o aval de Zidane. Os exames foram realizados na noite da última segunda-feira no Porto, em Portugal, e depois o atleta assinou o vínculo.

No Real Madrid, o ex-São Paulo poderá atuar como lateral-direito ou na zaga, apesar dos grandes nomes que ocupam as áreas atualmente (Carvajal e a dupla Sergio Ramos e Varane). Além dos clubes envolvidos, quem também ganha com essa transferência é o próprio tricolor, que tem direito como clube formador (3,5%), o que pode alcançar o equivale a R$ 29 milhões, aproximadamente (além dos 10% referentes à negociação com o Porto).

Com Gazeta Esportiva

Repórter PB

Destaques