Progama

Gestão da Qualidade é tema de qualificação promovida pelo Lacen-PB

O programa foi divido em quatro módulos.

O Laboratório Central de Saúde Pública da Paraíba – Lacen-PB promoveu, nesta quinta-feira (24), uma qualificação em Gestão da Qualidade na Saúde Pública para funcionários e para os hospitais da Rede. O encontro aconteceu no auditório do Centro Formador de Recursos Humanos da Paraíba – Cefor.

A qualificação faz parte de um programa do Lacen-PB que acontece desde 2017. De acordo com a diretora técnica do Lacen-PB, Lucia Cristina de Aguiar, em 2016, o laboratório foi contemplado com o curso de especialização voltado para Gestão em Serviços de Saúde e, ao término, definiu como prioridade compartilhar os ensinamentos com servidores e parceiros. “A gente gosta de compartilhar o conhecimento que o Lacen adquire para melhorar a qualidade do fluxo do serviço, tanto na qualidade das amostras como na rapidez do resultado”, completa.

O programa foi divido em quatro módulos. Os dois primeiros aconteceram em 2017 e foram sobre modelo de gestão e gestão de RH, respectivamente. O quarto e último módulo será sobre Gestão de Processos.

Hoje, o dia foi dedicado ao terceiro módulo, que teve como tema o Controle de Qualidade. O coordenador de bacteriologia da tuberculose do Lacen-PB, e ministrante da qualificação, Bergson Vasconcelos, falou sobre a diferença entre controle de qualidade e da gestão da qualidade. “Não existe mais a possibilidade da gente trabalhar com qualidade de maneira isolada, em caixinhas, tudo é uma cadeia”, diz.

Vanconcelos também destacou a importância do tema. “É preciso acabar com a falácia de que o serviço público não tem nada de qualidade. Pelo contrário, a gente trabalha com o que há de melhor em qualidade, porque a gente fica à vontade para elaborar as licitações, para elaborar os processos de compras, sempre primando pela qualidade”, completa.

Um dos participantes da qualificação, o coordenador do laboratório de análises clínicas do HU, Rubens Batista Benedito, disse que essa oportunidade é boa para que se mantenha a sequência de melhorias no processo de trabalho para que os serviços sejam desempenhados com a máxima eficiência. “Essa iniciativa do Lacen-PB é muito importante, porque reúne representantes de vários laboratórios dos municípios e do estado e, no nosso caso, do Hospital Universitário, para que exista essa interação e essa atualização de informações. A gente fica bem satisfeito com esse tipo de iniciativa”, concluiu.

Repórter PB

Destaques