Lançamento

Governo lança projeto ‘Educação Conectada’ voltado para implementação e uso de tecnologias digitais nas escolas

O evento vai acontecer na Escola Cidadã Técnica Bráulio Tavares, no Bairro Dinamérica, em Campina Grande, às 9h.

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Educação e da Ciência e Tecnologia (SSECT), vai lançar, nesta quinta-feira (14), o projeto “Educação conectada – implementação e uso de tecnologias digitais na educação”, selecionado na Chamada Pública da Educação Conectada, iniciativa do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), vinculada ao Ministério da Educação (MEC). O evento vai acontecer na Escola Cidadã Técnica Bráulio Tavares, no Bairro Dinamérica, em Campina Grande, às 9h.

 

A Chamada Pública da Educação Conectada selecionou seis estados como piloto para ações voltadas à conectividade e uso de tecnologia no cotidiano escolar. O contrato de financiamento não reembolsável do BNDES foi assinado no final do ano de 2018 e envolverá 100% das escolas estaduais de Campina Grande e Sousa e mais 50% das escolas municipais dessas cidades, somando um valor a ser investido no Estado equivalente a R$ 4 milhões.

O lançamento vai acontecer em parceria com o Banco de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES); Centro de Inovação para a Educação Brasileira (CIEB); Fundação Lemann; Itaú Social e Secretarias Municipais de Educação de Campina Grande e Souza.

Estima-se um impacto no cotidiano escolar de 38.659 alunos na Rede Estadual e 15.988 alunos na Rede Municipal de Sousa e Campina Grande. Além de uma formação conjunta de 4.200 professores das Redes Estaduais e fundamentais. Na Paraíba, 107 escolas estão envolvidas com o projeto, sendo 61 da Rede Estadual de Educação.

O Programa de Inovação Educação Conectada, desenvolvido pelo Ministério da Educação e parceiros, iniciado em 2017, tem o intuito de apoiar a universalização do acesso à internet de alta velocidade e fomentar o uso pedagógico de tecnologias digitais na Educação. O uso da tecnologia na educação deverá possibilitar a inovação no cotidiano escolar, otimizando ações que visem a eficiência no aprendizado, redução de evasão, engajamento dos estudantes, minimização de tarefas repetitivas dos professores e o monitoramento de indicadores de aprendizagem.

Na Paraíba – O projeto “Educação conectada – implementação e uso de tecnologias digitais na educação” visa ressignificar os espaços escolares no que tange ao uso da tecnologia no cotidiano de sala de aula de forma integrada ao novo documento curricular estadual, para que seja possível promover a aprendizagem e o engajamento dos alunos, otimizando também o tempo dos professores no cotidiano escolar.

Repórter PB

Destaques