Sousa/PB -

Presidente do PV revela que vai exigir cargo no Governo Tyrone; e expõe motivos; Assista

Franco Alves foi claro ao dizer que o PV hoje em Sousa representa mais de 3 mil votos

Por Pereira Jr. • Articulista Polí­tico

21/01/2022 às 09:53

Ads 970x250
Tamanho da fonte

Franco Alves, Líder Político no Município de Sousa, disse nesta quinta-feira (20) durante participação no Programa, REPORTERPB no Rádio pela 104,3 FM que vai reassumir o comando do PV no Município de Sousa, e uma cadeira no Diretório Estadual, a convite do Sargento Denis que volta a comandar a legenda a nível estadual, após saída dos Cartaxos.


Após essa definição deverá procurar o Prefeito de Sousa Fábio Tyrone (Cidadania) para algumas readequações, e posicionamento do PV no Governo Municipal.


Nesta conversa com o Chefe do Executivo Municipal vai exigir melhor posicionamento da Legenda no Governo Municipal com ocupação de cargo importante para reagrupamento político.


Franco Alves foi claro ao dizer que o PV hoje em Sousa representa mais de 3 mil votos, batendo o coeficiente de qualquer Vereador eleito, ou até mesmo de Secretários que só têm o próprio voto, e que se encontram há bastante tempo em cargos estratégicos do Governo Tyrone.


- A pessoa de Franco é só amigo, mas aliado do Prefeito Fábio Tyrone. Só que o Partido já diz: é um divisão. Quando a gente compor o Partido, o Partido não vai ser mais só Franco. São 18 integrantes no Partido, provavelmente 18 pré-candidatos a Vereador, que em coligações passadas sempre ultrapassamos os 3 mil votos, lembrou.


O Presidente Municipal do PV tratou de refrescar a memória sobre os movimentos que os Partidos, considerados, Menores fazem, e fizeram em época de político, elegendo sempre um representante para o Poder Legislativo, e que ele (Franco) quando candidato a Vereador, recebeu 557 votos da população, mais do que alguns dos Vereadores atualmente eleitos no Poder Legislativo Sousense. “Pode puxar a votação”, desafiou.


- A gente não conseguiu ser eleito (na época) por que não existia a facilidade. Hoje é mais fácil. Hoje você tem a mídia, a comunicação. Antigamente, você não tinha isso. Apenas um santinho, arrematou.


Franco foi claro a tirar qualquer dúvida sobre a questão político local, ao reafirmar que ele pessoalmente, o Partido são amigos do Prefeito de Sousa, mas tinham que ser feitas as seguintes distinções:


- Ser amigo é uma coisa, participar do governo é outra coisa, distinguiu.


Completando o raciocínio de afinidade politica, Franco foi objetivo ao declarar que ao olhar o plantel de Secretariado que ocupa os cargos no Governo Tyrone, alguns só têm o voto dele, não desmerecendo, mas para mostrar a grandeza do PV no Município que representa 3 mil votos.


Para justificar ainda mais a fidelidade do PV ao Governo Municipal, Franco relatou que existem hoje secretários que ocupam cargos na Prefeitura que dizem abertamente que não votam nos candidatos do Prefeito Tyrone.


- Isso vai ser resolvido. Nosso Partido tem 3 mil votos, e a gente não faz parte do Governo. O cara é Secretário, é Diretor, não tem voto, e nem vota nos candidatos do Prefeito, justificou Franco Alves anunciando que está assumindo o Comando do Partido Verde no Município de Sousa, e que certamente vai sentar com o Chefe do Executivo Municipal para demandar o assunto.


Veja trecho de entrevista ao REPORTERPB no Rádio com Pereira Jr, de segunda a sexta as 18h/19h na 104,3 FM

 

 

Ads 728x90

QR Code

Para ler no celular, basta apontar a câmera

Comentários

Aviso Legal:Qualquer texto publicado na internet através do Repórter PB, não reflete a opinião deste site ou de seus autores e é de responsabilidade dos leitores que publicam.