loader
Apoio

Parceria entre Governo do Estado e Prefeitura de João Pessoa vai reforçar a segurança nos conjuntos habitacionais

A parceria entre Estado e Prefeitura deve se estender também para atender demandas de policiamento em outros residenciais nas áreas do Saturnino de Brito e Renascer I.

A segurança dos conjuntos habitacionais será reforçada através de mais uma parceria entre o Governo do Estado e a Prefeitura de João Pessoa, que vai proporcionar uma presença maior da Polícia Militar junto às famílias que moram nessas localidades. Um dos instrumentos de reforço será a instalação de Unidades de Polícia Solidária (UPS), com policiais capacitados para gerar mais proximidade com os moradores.

O comandante-geral da Polícia Militar, coronel Euller Chaves, a secretária de Habitação de João Pessoa, Socorro Gadelha, e o secretário executivo da pasta, José Ildeberto de Lima Delfino, estiveram reunidos, na manhã desta terça-feira (12), para viabilizar projetos desse reforço da segurança, com demandas específicas de cada conjunto habitacional.

“O governador João Azevêdo nos orienta e cobra permanentemente estratégias para garantir mais segurança a essas localidades, para que os cidadãos que moram nesses conjuntos habitacionais tenham, além de sua habitação, a presença do Estado dando-lhes segurança para exercer seus direitos fundamentais. Essa parceria com a prefeitura de João Pessoa, através da secretária Socorro Gadelha, que irá possibilitar espaços para instalações que facilitem nossa presença constante, vem somar esforços para trazer tranquilidade para essas famílias e gerar mais proximidade da Polícia Militar, numa atuação social também”, destacou.

A secretária de Habitação de João Pessoa, Socorro Gadelha, ressaltou o benefício que essa parceria trará para os moradores. “Estamos bastante satisfeitos com a receptividade para essa parceria, com o comandante-geral da PM de forma solícita e resolutiva, o que é importante, garantindo o reforço da presença da polícia, com policiamento específico para trabalhar o conceito de polícia solidária nessa áreas. No residencial Vista Alegre, por exemplo, teremos mais de 8 mil pessoas morando, quando no término, e já temos um local para um posto de polícia lá, que terá todos os equipamentos e o prefeito Cícero Lucena quer intensificar, em parceria, essa segurança”, pontuou.

A parceria entre Estado e Prefeitura deve se estender também para atender demandas de policiamento em outros residenciais nas áreas do Saturnino de Brito e Renascer I, bem como no Centro Histórico da Capital, tendo cada local sua demanda específica.

Repórter PB