Promotor sousense denuncia ex-prefeito por realização de obras fantasmas, e várias construtoras

O ex-prefeito de Marizópolis, José Vieira da Silva, é investigado por suspeita de ter desviado recursos públicos por meio de obras não concluídas,

O ex-prefeito de Marizópolis, José Vieira da Silva, é investigado por suspeita de ter desviado recursos públicos por meio de obras não concluídas, com a ajuda de empresários da construção civil e de empresas-fantasma. A Promotoria de Justiça de Sousa denunciou o ex-prefeito José Vieira da Silva, mais conhecido como Zé Vieira, e mais cinco empresários, por desvio de rendas públicas para proveito alheio. O processo começou a tramitar em fevereiro na 6ª Vara de Sousa.

O promotor de justiça Samuel Miranda Colares explicou que a investigação foi iniciada pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE), que julgou irregulares os gastos feitos pelo ex-prefeito em quatro obras públicas de Marizópolis, entre os anos de 2009 e 2011. Os técnicos do TCE apontaram que as obras foram pagas pela prefeitura mesmo sem terem sido finalizadas.

O TCE encaminhou cópia do acórdão que atestou as irregularidades à Secretaria de Segurança Pública, e a delegacia de Sousa instaurou um inquérito policial para apurar as irregularidades no âmbito criminal.

“No curso da investigação, descobriu-se que as empresas contratadas para realizar as obras eram empresas-fantasma, sem sede de funcionamento e sem empregados registrados, portanto incapacitadas para realizar as obras”, diz o promotor.

Ainda de acordo com o promotor, as quatro obras (reforma de unidade de saúde, construção de escola, reforma de cemitério e ampliação do centro administrativo municipal) apresentaram irregularidades que sugerem a prática de desvios de verbas públicas, para pagamento de obras que não foram executadas, ou foram executadas com sobre preço, sem que o ente público tomasse cuidados para preservar o patrimônio público. “Estas obras foram integralmente pagas pelo Município de Marizópolis, na época chefiado pelo réu Zé Vieira, embora não tenham sido executadas a contento”.


Denunciados

1. José Vieira da Silva – ex-prefeito de Marizópolis, no período de 2009 a 2012;
2. Rodrigo William de Meneses – sócio da empresa Compac Construtora LTDA;
3. José Roberto de Queiroga Gomes – sócio da empresa CCE (Caraíbas Construções e Empreendimentos);
4. Denilson Pereira Rodrigues – sócio-administrador da empresa Viamega;
5. Bruno Ferreira Matos – sócio da empresa Constrói Materiais e Serviços;
6. João Vagner da Silva – sócio da empresa Constrói Materiais e Serviços.

MPPB

Repórter PB
Repórter PB

Comentários

Aviso legal: Todo e qualquer texto publicado na internet através do Repórter PB , não reflete a opinião deste site ou de seus autores e são de inteira responsabilidade dos leitores que publicarem.

Destaques