Futebol Internacional

Após quatro vitórias, Real Madrid efetiva Santiago Solari como treinador

Federação Espanhola recebe o novo contrato do agora ex-interino do time merengue, que deu mais espaço para Vinicius Junior

As quatro vitórias seguidas - duas pelo Espanhol, uma na Liga dos Campeões e uma na Copa do Rei - garantiram a Santiago Solari sua permanência à frente do Real Madrid para o restante da temporada. Até então tratado como interino, o argentino foi efetivado no cargo um dia após o triunfo sobre por 4 a 2 sobre o Celta de Vigo, fora de casa.

Segundo o jornal espanhol Marca, a Real Federação Espanhola de Futebol recebeu nesta segunda-feira o novo contrato de Solari com o Real. Pelo regulamento do futebol espanhol, uma equipe só pode manter um técnico interino por 15 dias, prazo que se encerraria nesta terça. Por isso, o Real precisava decidir se continuaria apostando no argentino ou se anunciaria um novo nome para o lugar de Julen Lopetegui, demitido no dia 29 de outubro.

Solari, então treinador do Real Castilla, time B que disputa a terceira divisão do Espanhol, foi chamado às pressas para recuperar o time após a desastrosa passagem de Lopetegui, que perdeu seis dos 14 jogos à frente do Real, o último deles com uma humilhante goleada por 5 a 1 para o rival Barcelona, que decretou sua queda.

Uma das novidades apresentadas por Solari foi o maior aproveitamento de Vinicius Junior, que tinha pouco espaço com Lopetegui, e justamente por não atuar pelo time principal teve oportunidade de mostrar serviço para Solari - em cinco jogos pelo Castilla, o brasileiro marcou quatro gols. Logo na estreia, Solari deu a primeira chance a Vinicius Junior como titular, na goleada por 4 a 0 sobre o Melilla, da terceira divisão, pela Copa do Rei.

Neste jogo, em que muitos titulares do Real foram poupados, Vinicius Junior aproveitou bem a chance, participando de dois gols da equipe. Depois, o Real venceu o Valladolid por 2 a 0, pelo Espanhol, com participação direta do brasileiro, que saiu do banco no segundo tempo e fez a jogada do primeiro gol. No jogo seguinte, a goleada por 5 a 0 sobre o Viktoria Plzen, pela Liga dos Campeões da Uefa, o camisa 28 fez sua estreia na competição, entrando novamente no segundo tempo, e deu o passe para o último gol merengue.

No jogo contra o Celta, o brasileiro não saiu do banco, mas chegou a ficar no aquecimento para entrar. No entanto, o Real teve dois jogadores contundidos na partida - Casemiro e Nacho -, o que impediu Solari de fazer todas as mudanças que gostaria.

Com o Globo Esporte.

Repórter PB

Destaques