Protesto

Deputado apela para Governo do Estado abrir diálogo com professores antes da paralisação geral

O Parlamentar lamentou o descaso com a Educação da Paraíba

O deputado estadual Janduhy Carneiro lamentou nesta quarta-feira (16), em pronunciamento na Assembleia Legislativa (ALPB), a postura do Governo do Estado em relação aos professores da Paraíba, que irão paralisar suas atividades no próximo dia 30 de maio, reivindicando o Plano de Cargos, Carreira e Remuneração (PCCR) da categoria.

De acordo com Janduhy, a paralisação acontece como forma de protesto por motivo do descaso do Governo da Paraíba, em não efetivar o Plano de Cargos, Careira e Remuneração (PCCR) dos profissionais da Educação, conforme proposta do SINTEP-PB e da APLP, em vigor. Promessa feita pelo próprio Governador, Ricardo Coutinho, em 2015. Como também dobrar o Piso Salarial do Magistério, conforme promessa do mesmo, na sua campanha eleitoral, em 2014.

“Apelamos ao governador Ricardo Coutinho que estabeleça um canal de diálogo em caráter de urgência com os professores para que seja realizado um acordo e os alunos não sejam prejudicados. O Sintep pede o cumprimento do que foi transmitido na campanha eleitoral do governador em 2014, além do compromisso em 2015 com relação ao PCCR”, afirmou Janduhy Carneiro.

O Parlamentar lamentou o descaso com a Educação da Paraíba, citando a terceirização que foi efetivada na atual gestão estadual. “A terceirização da educação só demonstra e prova a incompetência do governo Ricardo Coutinho em administrar. É direito do Estado gerir e não terceirizar os serviços da Educação, assim como fez com a Saúde, que é outro problema grave”, finalizou o deputado.

Repórter PB

Comentários

Aviso legal: Todo e qualquer texto publicado na internet através do Repórter PB , não reflete a opinião deste site ou de seus autores e são de inteira responsabilidade dos leitores que publicarem.

Destaques