Você está aqui:
Mulher passa 48 horas sem trocar absorvente interno e quase morre

Ela foi diagnosticada com Síndrome de Choque Tóxico

Uma jovem de 20 anos, moradora da cidade de Inverness, na Escócia, quase faleceu após usar absorvente interno e passar quase 48 horas sem trocar o produto. Segundo o site UOL, ela foi levada às pressas para o hospital após apresentar sintomas como febre alta, mialgia, confusão mental, dor de garganta, erupções cutâneas, descamação da pele de pés e mãos, além de sintomas gastrointestinais, como vômitos e diarreias, pressão arterial baixa, entre outros. Lá ela foi diagnosticada com Síndrome de Choque Tóxico, uma infecção bacteriana potencialmente fatal causada pelas bactérias Staphylococcus aureus e Streptococcus pyogenes.

Katie Knight passou uma semana internada no hospital, sendo quatro dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para tratar a doença. A síndrome é ocasionada pela produção de toxinas que desencadeiam uma resposta inflamatória e atingem o organismo como um todo. "Eu realmente achei que fosse morrer", contou ela ao Metro.


Comentários

Aviso: Todo e qualquer comentário publicado na Internet através do Repórter PB, não reflete a opinião deste Portal.