Você está aqui:
Polícia prende segurança suspeito de participação em assalto a Lojas Americanas

Os levantamentos mostraram que Gersino teria repassado as informações sobre o funcionamento da loja para Everton Douglas, que foi o responsável pelo assalto

Uma ação conjunta realizada por policiais da 5ª Delegacia Distrital de Bayeux, na região Metropolitana de João Pessoa, e da a 4ª Companhia da Polícia Militar conseguiu dar cumprimento ao mandado de prisão temporária expedido pela Justiça contra o segurança Gersino Nogueira Cordeiro, 28 anos. Ele é suspeito de participar do assalto a Lojas Americanas, localizada na Avenida Liberdade, em Bayeux.

O crime aconteceu na tarde do dia 31 de janeiro de 2016. As imagens do circuito de segurança analisadas pela Polícia mostram quando um homem chega à loja e anuncia o assalto, levando 17 aparelhos celulares novos e dinheiro. “Na hora da ação criminosa quem estava fazendo a segurança do estabelecimento era Gersino, que agiu como se soubesse que o crime ia ser praticado. Por este motivo começamos a investigá-lo”, falou o delegado Diego Garcia.


Os levantamentos mostraram que Gersino teria repassado as informações sobre o funcionamento da loja para Everton Douglas, que foi o responsável pelo assalto. Ele continua foragido, mas a Polícia já pediu à Justiça o mandado de prisão preventiva dele. Já Gersino, foi encaminhado para a carceragem da Central de Polícia, no Geisel, onde vai aguardar pela audiência de custódia.


Mais prisões – No inicio da manhã dessa quinta feira (16) policiais civis da 5ª Delegacia Distrital da cidade de Bayeux também cumpriram um mandado de prisão contra Joelton Gonçalves da Silva, que há três meses estava foragido da Justiça.


“Começamos a investigar Joelton por um crime de lesão corporal atribuída a ele através de uma denúncia, mas no decorrer dos levantamentos descobrimos que ele não tinha participação neste caso. Porém a busca no sistema da Justiça revelou que ele estava sendo procurado por outro crime, o de porte ilegal de arma”, disse o delegado Pedro Ivo.


De posse do mandado, os agentes de investigação realizaram diligências na cidade e descobriram a casa do suspeito no bairro Imaculada, em Bayeux. Joelton foi intimado, e quando chegou à Delegacia para prestar depoimento, recebeu voz de prisão. Depois de ser ouvido, Joelton foi levado para a Central de Polícia. Ele será encaminhado para a audiência de custódia nessa sexta feira (17).


Comentários

Aviso: Todo e qualquer comentário publicado na Internet através do Repórter PB, não reflete a opinião deste Portal.