Você está aqui:
Receita, MP e Polícia Civil deflagram segunda fase da ‘Operação Orange’ na PB

As oito novas empresas entraram na lista das suspeitas a partir de documentos apreendidos na semana passada

A Polícia Civil da Paraíba, por meio da Delegacia de Crimes Contra a Ordem Tributária, a Secretaria de Estado da Receita e a Promotoria de Justiça de Crimes Contra a Ordem Tributária do Ministério Público da Paraíba deflagraram a 2ª Fase da ‘Operação Orange’ nesta segunda-feira (17), em João Pessoa, após análise decorrente de documentos apreendidos pelo esquema criminoso de sonegação fiscal, falsidade ideológica, falsificação de documentos, que foi desarticulado no último dia 11 de julho na Grande João Pessoa.

Após esta segunda fase, sobe para 21 o número de empresas suspeitas de serem ‘laranja’ e funcionarem somente para venda de notas fiscais falsas. De acordo com a delegada Daniela Vicuuna, as oito novas empresas entraram na lista das suspeitas a partir de documentos apreendidos na semana passada. Foram cumpridos mandados de condução coercitiva e de apreensão nas casas de dois suspeitos de envolvimento com o esquema, entre eles a ex- companheira de um dos chefes do esquema criminoso.

Ainda segundo a autoridade policial, o grupo criminoso deve responder por  tributário, falsificação de documentos, uso de documentos falsos, falsidade ideológica, e organização criminosa


Comentários

Aviso: Todo e qualquer comentário publicado na Internet através do Repórter PB, não reflete a opinião deste Portal.