Você está aqui:
Vereador Derval é taxado de: cachorro, covarde e Judas após vencer eleição da mesa diretora em Marizópolis

O Grupo da Oposição no Município de Marizópolis, liderado por Miguel Neto, ex-candidato a prefeito, conseguiu de última hora, fazer a Presidência do Poder Legislativo daquela Cidade neste domingo (01), após a posse dos Vereadores.


O Grupo da Oposição no Município de Marizópolis, liderado por Miguel Neto, ex-candidato a prefeito, conseguiu de última hora, fazer a Presidência do Poder Legislativo daquela Cidade neste domingo (01), após a posse dos Vereadores.

Era cotado para presidir a Mesa Diretora, o Vereador, situacionista, Carlos José (FOTO), aliado do prefeito Zé de Pedrinho.

Nos bastidores, Miguel Neto articulou, e apresentou chapa de última hora, com o nome do Vereador da base governista, Derval Olimpio, e ganhou a presidência da Câmara com três votos da oposição, e um voto da situação, cujo nome não foi revelado por ser uma eleição secreta.

Traído pelos próprios companheiros, Carlos José que tinha a preferencia do prefeito eleito, Zé de Pedrinho, soltou o verbo na imprensa sousense contra Derval seu comparte de bancada que conseguiu a presidência do legislativo marizopolense com apoio da bancada do ex-prefeito, Zé Vieira.

- Foi informado que o Judas, o covarde, o safado, o cachorro do Vereador Derval disse que não votava comigo, e disse que não tinha me dado um abraço. Judas traiu Jesus com um beijo na face, e ele foi com um abraço. Ele havia confirmado o voto ao prefeito Zé de Pedrinho dois dias antes, disse.

O acordo para que o Vereador, Carlos José fosse o presidente aconteceu no Gabinete do prefeito Zé de Pedrinho, dois dias antes da posse. Carlos José era o indicado pelo Prefeito, e terminou Miguel Neto, ex-candidato a prefeito fazendo a mesa diretora da Câmara.

 


Comentários

Aviso: Todo e qualquer comentário publicado na Internet através do Repórter PB, não reflete a opinião deste Portal.