Você está aqui:
Escócia vai aproveitar eleição no Reino Unido para votar saída do bloco

País intensifica desejo por independência desde votação do Brexit e planeja realizar segundo referendo para decidir se fica ou deixa o bloco

A primeira-ministra escocesa, Nicola Sturgeon, disse nesta terça-feira (18) que a antecipação das eleições gerais no Reino Unido vai ajudar a determinar o futuro da Escócia. O país intensificou o seu desejo por independência desde a votação do Brexit e planeja realizar um segundo referendo.

A declaração foi dada após a primeira-ministra britânica, Theresa May, anunciar, também nesta terça, que a eleição será antecipada para o dia 8 de junho.

"Essa eleição vai ser muito sobre que tipo de país nós queremos que a Escócia seja, e sobre quem vai determinar a futura direção da Escócia", disse Sturgeon, de acordo com o Extra.

A Escócia decidiu por meio de um referendo realizado em 2014 que queria permanecer no Reino Unido. No entanto, a saída do bloco da União Europeia mudou as circunstâncias. May, por outro lado, tem adiado o referendo, alegando que este não era um momento certo para isto.


Comentários

Aviso: Todo e qualquer comentário publicado na Internet através do Repórter PB, não reflete a opinião deste Portal.