Você está aqui:
Svetlana Aleksievich desmente Twitter de que teria morrido

Mensagem teria sido publicada por Francoise Nyssen, mas correspondente diz ter falado com ganhadora do Nobel

Uma conta no Twitter que seria de Francoise Nyssen, ministra da Cultura da França, informa, nesta quinta-feira (17), que a escritora e jornalista Svetlana Aleksievich, vencedora do Nobel de Literatura de 2015, teria falecido.

A notícia foi desmentida, no entanto, por correspondente da AFP, que falou com a bielorrusa pelo telefone. Segundo o jornalista, a autora está em Seul. O portal russo de notícias RBK também informou, segundo a Sputnik News, que a escritora está bem.

Um tuíte publicado na conta da ministra, após o anúncio da morte, diz que o perfil foi hackeado. O aviso sobre a morte dizia: "Tenho notícias terríveis. Me disseram que morreu Svetlana Aleksievich. Não tenho outra informação agora".

Convidada da 14ª Festa Literária Internacional de Paraty (Flip), no ano passado, Svetlana Aleksandrovna Aleksiévitch tem 68 anos e é autora de obras como "Vozes de Tchernóbil" e "A Guerra não tem rosto de mulher". A autora foi louvada pela academia sueca "pelos seus escritos polifônicos,um monumento ao sofrimento e coragem em nosso tempo".


Comentários

Aviso: Todo e qualquer comentário publicado na Internet através do Repórter PB, não reflete a opinião deste Portal.