Você está aqui:
Por 3x0 TJPB julga improcedente Ação de Improbidade contra o Prefeito de Aparecida

A denúncia referencia-se a nepotismo ainda no seu primeiro governo 2006 quando assumiu a prefeitura de Aparecida

O prefeito do Município de Aparecida, sertão da Paraíba, Júlio César (PSD) foi absorvido por 3x0 na manhã desta terça-feira (14) no Tribunal de Justiça da Paraíba em Ação de Improbidade Administrativa.

A denúncia referencia-se em tese fraude em licitação ainda no seu primeiro governo 2006 quando assumiu a prefeitura de Aparecida.

O caso vinha rolando na justiça, e foi até objetivo de Ação de Impugnação do registro de sua candidatura a reeleição no ano passado.

Com a decisão da corte em unanimidade, julgando por 3x0 improcedente a denúncia contra o prefeito Júlio César, amigos e aliados saíram as Ruas da Cidade para comemorar o feito.

O prefeito  César sempre declarava aos amigos que não tinha nada a dever, por que estava de consciência limpa que não tinha praticado nenhuma ilicitude em seu governo, e que a Justiça estava ai para provar sua inocência.

Ação foi remanejada pelo promotor de justiça da Cidade de Sousa em desfavor do Prefeito Júlio César. O Gestor acompanhou de perto a sessão do TJ/PB nesta terça-feira (14) ao lado de advogados. Após o resultado, Júlio César disse que retornava o foco a sua Gestão para continuar fazendo o bem à população de sua cidade como sempre tem feito em todo esse período como prefeito de Aparecida, e não há nenhum ato que desabone seu caráter administrativo.

 


Comentários

Aviso: Todo e qualquer comentário publicado na Internet através do Repórter PB, não reflete a opinião deste Portal.