Você está aqui:
TVRPB: Sindicalista denuncia perseguição a professores, e atraso salarial em Poço Dantas; Assista

O representante do Sindicato dos Servidores em Educação do Município de Poço Dantas, Hilton Paulo participou do Programa REPORTERPB no Rádio pela 104 FM

O representante do Sindicato dos Servidores em Educação do Município de Poço Dantas, Hilton Paulo participou do Programa REPORTERPB no Rádio pela 104 FM.
Na ocasião ele chegou a denunciar perseguição a categoria de professores por parte do prefeito “Dedé de Zé Cândido”.

Hilton Paulo ainda relatou que o Gestor de Poço Dantas não tem diálogo com a categoria do Magistério, e atrasou salário dos Professores, ainda sem previsão de pagamento. A situação deixou a Categoria super irritada.



- A gente expressa aqui a falta de compromisso com os profissionais da educação. Também sabemos que as dificuldades existem, mas muitas das vezes essas dificuldades ocorrem por falta de planejamento, e organização da própria administração, comentou o representante Sindicato.

Hilton Paulo relatou que a categoria se encontra em atraso com o mês de dezembro, e o 1/5 de férias. “Desde que ele (Dedé de Zé Cândido) assumiu a Gestão sempre é pago no ano seguinte. A lei diz que quando você tira as férias, logo em seguida deve ser paga. Mas sempre a gente recebe no ano seguinte. Também os retroativos de janeiro e fevereiro do piso salarial ainda não foram pagos”.



Durante a participação do Sindicalista no Programa REPORTERPB no Rádio, Hilton Paulo revelou que o setor de educação de Poço Dantas não tem planejamento, a categoria não tem participação em conselho, não consegue informações das gestões dos recursos, não são chamados para nenhuma reunião.

- Dentro da visão do prefeito, para ele não existe sindicato. Então nós transferimentos competências do Sindicato com o de Bernardino Batista. A gente uniu forças para a gente a partir deste ano de 2018 cobrar ações. E não for através do diálogo, buscaremos a questão judicial, disse Hilton Paulo.



Outro ponto discutido foi a respeito da previdência Municipal, que ninguém sabe o valor do dinheiro disponível, e isso traz temeridade aos servidores municipais que vão se aposentar.

Assista a entrevista completa aqui no Programa REPORTERPB no Rádio de segunda à sexta, das 17h/18h pela 104 FM, apresentação de Pereira Jr, e participação de Dinha.

 Assista aqui

Comentários

Aviso: Todo e qualquer comentário publicado na Internet através do Repórter PB, não reflete a opinião deste Portal.